seguir no FACEBOOK

terça-feira, 15 de junho de 2010

Lançamento do livro “Palhaços do nosso Povo”

Palhaços do nosso Povo - Foto autoras com o livro



Lançamento do livro “Palhaços do nosso Povo”

Autoras: Maria Lulú e Monique Franco - Orientador: Clerouak


Capa do livro


“Quem são esses homens de tez encardida e passos graciosos? Quem são esses magos de magras figuras e riso na boca? Quem são esses reis sem níquel no bolso, mas fartos de festa? Deviam se maldizer e dançam” (Texto de Oswaldo Barroso na 4ª capa do livro)

Contemplado pelo Prêmio Funarte Carequinha de Estímulo ao Circo 2009, a pesquisa “Os Palhaços da Cultura Popular Brasileira” conseguiu se concretizar e se transformar no livro denominado “Palhaços do Nosso Povo”, que mostra a investigação sobre arte dos palhaços brasileiros inseridos nas brincadeiras e manifestações populares. Como conseqüência de pesquisa foi possível alçar novos vôos na busca de diferentes maneiras de se fazer, ver e aprender tal arte. Além de entrevistas com palhaços e pesquisadores, o livro traz fotos dos palhaços da cultura popular brasileira. Na noite de lançamento o livro será distribuído para Cias. de Circo, de Teatro, Escolas, Trupes Circenses entre outras. Para demais interessados o livro será comercializado no coquetel de lançamento, em algumas livrarias ou pelas próprias autoras. Na noite de lançamento haverá performances das autoras e do orientador, além de exibição de um documentário curta metragem de 10 minutos, com imagens recolhidas durante a pesquisa para o livro. Saiba mais sobre as autoras e o orientador abaixo.

Serviço:

Lançamento do livro “Palhaços do nosso Povo”.

Dia 24 de junho de 2010, Quinta-feira, a partir das 18h30 - Entrada Franca.

Centro de Memória do Circo – Galeria Olido

Av. São João, 473 – Térreo – Centro – SP - Tel. 3397 0177

Imprensa: Edson Lima / O Autor na Praça – 9586 5577 - edsonlima@oautornapraca.com.br

Patrocínio e viabilização do livro: Cia. Clerouak e Maria Lulu, Cia. Baitaclã, FUNARTE - Ministério da Cultura, Governo Federal, Fundação Athos Bulcão e Cooperativa Paulista de Teatro

Apoio: Centro de Memória do Circo, O Autor na Praça, Galeria Olido, DPH - Departamento do Patrimônio Histórico da Cidade de São Paulo e Prefeitura do Município de São Paulo

SOBRE AS AUTORAS

Maria Lúcia Judas (Maria Lulú) é Atriz, palhaça e musicista, nasceu na capital paulista em agosto de 1980. Iniciou seus estudos nas artes cênicas em 1992 no Instituto Madre Mazzarello, prosseguindo sua trajetória em diferentes grupos e escolas de teatro de sua cidade. Em 1999 ingressou no curso de Comunicação das Artes do Corpo da PUC-SP, formando–se no ano de 2004 em artes cênicas e performance. Em seguida aprofundou seus estudos em direção a arte do palhaço e da música. Em 2007 passou a estudar a dança, o teatro e a música na cultura popular brasileira no curso de formação do Instituto Brincante. Atualmente trabalha com a palhaça Maria Lulú apresentando seus espetáculos de palhaço cuja principal temática é a musicalidade e as culturas de diferentes países.

Monique Franco é Atriz e Palhaça, iniciou seus estudos no Teatro em 2002 onde participou de diversas montagens cênicas como "Na Carrera do Divino" de Carlos Alberto Soffredini entre outras. No ano de 2004 iniciou sua pesquisa na linguagem da comédia através da Commedia del' art, posteriormente participou do Workshop de Palhaço ministrado por Francesco Zigrino. Formou-se em 2006 pelo Programa de Formação de Palhaços para Jovens dos Doutores da Alegria resultando no espetáculo “Uma Besteira Qualquer”, com direção de Bete Dorgam, trabalha atualmente como Assistente Educadora no respectivo projeto. No ano de 2008 conheceu o Instituto Brincante onde desenvolveu sua pesquisa na área da Cultura Popular e da Arte Educação. Integra a Cia Baitaclã ao lado de Sabryna Mato Grosso e Heraldo Firmino, onde a cultura popular e a linguagem do Palhaço permeiam todos os espetáculos e produções da Cia.

O orientador Clerouak é palhaço e músico, neto de Capitão de Congado Mineiro e palhaço de circo, vem pesquisando a linguagem artística dos palhaços desde 1993, quando iniciou seus estudos com a tradicional Família Medeiros. Em 2001 passou a pesquisar paralelamente os palhaços da cultura popular brasileira, se apresentando também como Mateus do Cavalo Marinho com o Grupo Boi Marinho dirigido por Helder Vasconcelos. Em 2003 gravou o seu CD de música Étnica: “Música do Quarto Mundo”, onde entre outros ritmos pesquisou principalmente a musicalidade do universo popular brasileiro. Saiba mais.


Nenhum comentário:

Postar um comentário