seguir no FACEBOOK

terça-feira, 30 de outubro de 2012

4ª Corrente Cultural da Capital Curitiba



Programação da 4ª Corrente Cultural da Capital. Neste ano, a Corrente, que acontecerá entre os dias 3 e 11 de novembro, terá mais de 300 programações em 95 espaços da cidade, com entrada gratuita ou preços populares. Outro movimento que acontece dentro da Corrente, é a terceira Virada Cultural, que este ano mescla grandes artistas da cultura nacional e local, entre os dias 10 e 11.
Para a virada, cinco palcos principais serão montados na região central da cidade: Boca Maldita, Rua Riachuelo, Ruínas de São Francisco, Praça da Espanha e Praça Nossa Senhora da Salete, que irão realizar uma programação ininterrupta de atrações nacionais e locais. Os shows de Emílio Santiago com a Orquestra À Base de Sopro, de Oswaldinho do Acordeon e a Orquestra Sinfônica do Paraná, de Kleiton & Kledir e o Grupo Tholl e ainda de Zeca Baleiro com a Orquestra À Base de Corda certamente irão despertar o interesse do público.
A principal atração será a apresentação de Cauby Peixoto e Angela Maria.


A grade de programação da Virada Cultural de Curitiba ainda conta com artistas como Dudu Nobre, Arnaldo Antunes, Cauby Peixoto e Angela Maria, além das bandas paranaenses Nevilton, MUV, Trio Quintina e A Banda Mais Bonita da Cidade. 

A Corrente Cultural acontecerá simultaneamente em outras quatro cidades do Paraná: Foz do Iguaçu, Maringá, Campo Mourão e Cianorte. Um dos destaques é o show de Sandra de Sá em Maringá

A programação completa, bem como todas as notícias, pode ser acompanhada no site da Corrente Cultural, a partir de hoje.

domingo, 28 de outubro de 2012

Circo Espalhafatos





Espetáculo aconteceu no Centro Cultural José Sobrinho

CULTURA CIRCENSE

Grupo vencedor de prêmio da Funarte se apresenta em Rondonópolis e região

Para mais de 400 crianças esta quarta-feira (24) foi de muitas gargalhas e olhos atentos nas apresentações do espetáculo Arco-Íris - Uma Alegoria Circense, realizadas pelo Circo Espalhafatos no Centro Cultural José Sobrinho. O grupo, de Curitiba, foi vencedor do prêmio Procultura de Estímulo ao Circo, Teatro e Dança da Fundação Nacional de Artes – Funarte, em 2010, e se apresenta em municípios da região até esta sexta-feira (26).
Além de Rondonópolis, os espetáculos já ocorreram em Cuiabá, Várzea Grande, Chapada dos Guimarães, Santo Antônio de Leverger, Primavera do Leste e Jaciara. Nesta quinta o grupo segue para Alto Araguaia e encerra a passagem pelo Estado na sexta-feira em Alto Garças.
Formado em 1996, o Circo Espalhafatos tem o objetivo de levar a arte circense para locais onde dificilmente há espetáculos. “Nossa base é de formadores de plateia e o prêmio da Funarte é um prêmio de difusão e formação de público”, explicou José Barbosa, porta-voz da trupe e intérprete do palhaço Pipoca. As crianças puderam se divertir e conhecer um pouco mais da arte com Pipoca, com o malabarista Lauro Monteiro, o mágico Delfus, o apresentador Fernando Saiez e o monociclista Marco Fernandes.
Com a conquista do prêmio, os artistas se apresentaram em três estados – Paraná, Mato Grosso do Sul e Mato Grosso -, no total de 12 cidades em cada um. “A premiação foi para vários grupos circenses e cada um ficou com 36 cidades, 12 em cada estado”, destacou José Barbosa. Além deste espetáculo, o grupo ainda produz mais cinco apresentações e levam a arte para escolas, empresas, festivais, aniversários de cidades, entre outros.
Prêmios Procultura
Lançado em outubro de 2010 pelo Ministério da Cultura, por meio da Secretaria de Fomento e Incentivo à Cultura e da Funarte, o Programa Procultura contempla, entre outras áreas, circo, dança, teatro, artes visuais e música.
Conforme informações da Funarte, serão aplicados ao todo R$ 300 milhões em oito fundos setoriais: Acesso e Diversidade; Ações Transversais e Equalização de Políticas Culturais; Artes Visuais; Circo, Dança e Teatro; Incentivo à Inovação Audiovisual; Livro, Leitura, Literatura e Língua Portuguesa; Música; Patrimônio e Memória. Os recursos são do Fundo Nacional da Cultura (FNC), constituído de verbas destinadas exclusivamente à execução de programas, projetos ou ações culturais.

Fonte: DAYANE POZZER- Redação/Ascom
Foto: MATUSALEM TEIXEIRA




II Festival Internacional de Palhaços RI CATARINA


De 5 a 11 de novembro a cidade Florianópolis terá a oportunidade de receber grandes espetáculos nacionais e internacionais ligados ao universo do Palhaço.
Idealizado e realizado pela Cia Pé de Vento Teatro de Florianópolis/SC o festival que vai para sua 2ª edição conta com o apoio cultural da Unimed Grande Florianópolis através da Lei Municipal de Incentivo a Cultura.
Esta importante iniciativa da Cia Catarinense Pé de Vento Teatro, formada pelos atores Pepe Nuñez e Vanderléia Will pretende além de fomentar a arte da palhaçaria no sul do país, promover a recuperação e valorização da figura do palhaço e trazer ao grande público espetáculos importantes no cenário nacional e internacional.
A exemplo disto o Festival traz pela primeira vez em Santa Catarina o importante palhaço catalão Tortell Poltrona, fundador da Ong Palhaços Sem Fronteira, que apresentará seu espetáculo “Post Classic”. Também estão confirmadas as presenças dos palhaços espanhóis Pablo Muñoz e Ivan Prado, e da palhaça Marta Carbayo diretamente da Dinamarca.
Entre os espetáculos nacionais destacamos: Palhaço Xuxu (Luiz Carlos Vasconcelos/João Pessoa /PB) , Circo Teatro Artetude - Irmãos Saúde (Brasília-DF), Teatro de Anonimo/RJ, Via Palco/Bahia, Cia dos Palhaços-Curitiba/PR, Seres de Luz Teatro/SP...
A grande novidade desta segunda edição será uma Lona montada no Largo da Alfandega no centro da cidade, com capacidade para 240 pessoas e acesso gratuito para o público e com apresentações manhã, tarde e noite.
O II Festival Internacional de Palhaços RI CATARINA ocupará também o Teatro Álvaro de Carvalho,  Museu Cruz e Souza, ruas e  praças da cidade. 
E além dos espetáculos o Festival promove para atores, palhaços e interessados na arte da palhaçaria, oficinas de formação com Luiz Carlos Vasconcelos (9 a 11 de novembro) e João Lima (de 7 a 11 de novembro) no Museu Cruz e Souza, Centro de Florianópolis.


sexta-feira, 19 de outubro de 2012

Estudantes várzea-grandenses são contemplados com artes circenses


Alunos das Escolas Municipais Básicas de Educação (EMBs): Júlio Correa, Antônia Felipa, Gonçalo Domingos de Campos – Caic - e da Casa de Passagem foram beneficiados com uma tarde descontraída e alegre. O evento foi realizado no Várzea Grande Tênis Clube e, faz parte do Projeto Arco Íris, do Ministério da Cultura – desenvolvido pela Fundação Nacional de Artes (Funarte). A arte circense estimula o gosto pela dança, cultura e circo.
O espetáculo tem a ideia de discutir arte e cultura, com a possibilidade de melhoramentos de recursos financeiros para área. As crianças tagarelavam e estavam encantadas com o circo.
“O que mais emociona e me impulsa neste trabalho é ver a carinha de quem está assistindo entusiasmado e feliz com a apresentação. Pois, muito deles nunca tiveram a oportunidade e acesso a um circo”, relata José Barbosa – que representa o palhaço Pipoca.
Os estudantes Robson de Lima, 9 anos, Vitória Gabriela, sete anos, e Daniel José, cinco anos; da EMEB Antônia Felipa de Campos, do bairro Novo Mundo, deram depoimento:
“Estou muito feliz por estar assistindo esta apresentação, nunca tive a oportunidade de ir a um circo, foi um presente que recebi do dia das crianças”, Robson.
“Achei muito legal a brincadeira com as bolinhas, nunca tinha visto antes. Minha mãe não tem dinheiro para me levar em um circo, foi muito lindo a apresentação, estou contente porque a escola me trouxe”, diz a pequena Vitória.
“Gostei quando o palhaço fez as brincadeiras e eu participei junto com ele, quando crescer vou trabalhar em um circo também, eles sabem fazer muitas mágicas legais”, Daniel.
Valdeci Oliveira, 16 anos, da Casa de Passagem falou que gostou muito da peça, e o mais interessante ter acesso à apresentação sem ter que pagar pelo espetáculo. “Poderia ter mais oportunidades como esta para entreter e descontrair a criançada que está sendo acompanhada pela Casa”, enfatiza.
Já a estudante Karolayne Estaves, 11 anos, da EMEB Júlio Correa conclui dizendo que achou bacana sair da rotina escolar para assistir um espetáculo do circo Espalhafatos. “ O grupo envolve toda plateia e arranca risos largos de toda criançada que participa ativamente das apresentações.
Os envolvidos na apresentação são: mágico Delfus, Lauro Monteiro; Fernando Saez, Marcos Fernandes e José Barbosa (palhaço Pipoca). Nove grupos estão distribuídos em todo País para realizar a arte. A companhia do Paraná já fez 12 apresentações no estado paranaense, 12 em Mato Grosso do Sul e 12 em Mato Grosso.





quarta-feira, 10 de outubro de 2012

Oficina "Conto Para Que Tu Contes"


Amigos de Florianópolis está chegando 20/10/2012.

Oficina "Conto Para Que Tu Contes" - A narrativa oral não é só uma ponte para chegar ao outro mas um caminho para chegar a nós mesmos. 
Navegamos e navegamos na leitura e no olhar que cada um tem, até chegar nas ilhas afortunadas da nossa alma. Contamos com a imaginação encontrada e escutada com o poder da palavra falada e escrita. 

segunda-feira, 8 de outubro de 2012

Biblioteca Pública promove semana em homenagem a Helena Kolody


Programação comemorativa do centenário de nascimento da escritora inclui exposição, duas peças de teatro, leituras de poemas e exibição de curta-metragem 

De 8 a 11 de outubro, a Biblioteca Pública do Paraná (BPP) promove a Semana Helena Kolody 100 anos. Serão realizados diversos eventos para celebrar o aniversário da autora, que no dia 12 de outubro completaria 100 anos. A entrada é gratuita para todas as atividades.

No dia 8 (segunda-feira), será inaugurada a exposição Helena Kolody 100 anos, no hall térreo, com fotografias, poemas e depoimentos da autora. A mostra, que fica em cartaz até 26 de outubro, também inclui conteúdos (imagens e textos) dispostos nas paredes que acompanham as escadas de todo o prédio. Ainda no dia 8, o diretor Edson Bueno e o Grupo Delírio Cia de Teatro vão apresentar uma peça inédita, inspirada na obra da autora, no Auditório Paul Garfunkel, a partir das 15h.

O curta-metragem A babel da luz, do cineasta Sylvio Back, sobre a escritora, será exibido no dia 9 (terça-feira), no Auditório Paul Garfunkel, das 10h às 11h30. No dia 10 (quarta-feira), o filme, de 10 minutos, terá sessões entre 15h e 17h.

No dia 11 (quinta-feira), a atriz Kaliupe Sachet apresenta, no hall térreo, um monólogo sobre a poeta, a partir das 15h — dentro do projeto Aventuras Teatrais. Durante toda a semana, o elenco do Grupo Delírio Cia de Teatro fará leituras de poemas da autora em diversas salas da BPP, em horários variados.

O diretor da Biblioteca Pública do Paraná, Rogério Pereira, lembra que, em 2012, ano do centenário da autora, a Secretaria de Estado da Cultura do Paraná (Seec) colocou em circulação a revista Helena, publicação cultural que em sua primeira edição apresentou um dossiê sobre a autora paranaense. Pereira completa que, neste mesmo ano, a Seec instituiu o Prêmio Paraná de Literatura 2012, cuja categoria de poesia foi batizada com o nome de Helena Kolody.

“A Helena foi uma voz importante, inclusive no cenário nacional. Nada mais justo do que a Biblioteca Pública prestar uma homenagem, que inclusive pode fazer com que o público passe a ler e a reler a obra dela”, diz Pereira, completando que a edição de outubro do jornal Cândido, publicado pela BPP, traz um especial sobre a autora.

Leia a matéria da Gazeta do Povo sobre a Semana Helena Kolody.
Convite Helena



Serviço:

Semana Helena Kolody 100 anos
De 8 a 11 de outubro
Diversas atividades com entrada franca
2.ª a 6.ª, das 8h30 às 20 horas. Sábado, das 8h30 às 13 horas.
Mais informações: (41) 3221-4900
Fonte: BPP

100 anos do Corpo de Bombeiros


Cerimônia em Curitiba marca os 100 anos do Corpo de Bombeiros





O Provopar recebe Comenda comemorativa do Centenário do Corpo de Bombeiros pelos serviços prestados ao povo paranaense junto com o corpo de bombeiros e defesa civil.




O Provopar recebe Comenda comemorativa do Centenário do Corpo de Bombeiros pelo serviços prestados ao povo paranaense junto com o corpo de bombeiros e defesa civil. Com Tuffi Geara,Secretário de Segurança e Conselheiro do Provopar Cid Vasque, Presidente do Provopar Carlise Kwiatkowski, Governador Beto Richa  e Marco Felipak.
Provopar Estadual e a Defesa Civil, na ajuda das vitimas do litoral paranaense.


ELEIÇÕES 2012 PINHAIS - PR


PINHAIS - PR

PREFEITO REELEITO
LUIZAO PT 13 -  62.802 VOTOS ELEITO COM 93,77%

Vereadores eleitos:

Binga – 1.698
Profª. Rosa Maria – 1.437
Silvio Star – 1.201
Joãozinho Ribeiro – 1.177
Gilberto do PT – 1.159
Airton – 1.110
Tavinho – 1.109
Jane Carteira – 1.107
Seu Oswaldo da Igreja – 1.105
Leonildo Gordo – 1.085
Zezinho – 988
Márcia Ferreira – 982
Profº. Demétrio – 961
Ari Valdir – 789
Marcinho – 782
Passarinho – 772
Cecília Padovan da Saúde - 754



ELEIÇÕES 2012 - CURITIBA

Curitiba terá segundo turno entre Ratinho Junior e Gustavo Fruet
Ratinho Junior confirmou a liderança apontada nas pesquisas e segue na disputa pela prefeitura. Seu adversário será Gustavo Fruet, que contrariou todas as pesquisas e se mantém na disputa.

Os eleitores curitibanos terão de voltar às urnas no dia 28 de outubro para escolher quem será o próximo prefeito da capital. O segundo turno será disputado entre Ratinho Junior (PSC) e Gustavo Fruet (PDT), contrariando as pesquisas que o colocavam como terceiro na preferência dos eleitores, conseguiu uma virada impressionante e garantiu que continua na disputa pela prefeitura.

Ratinho Junior ficou com 332.408 votos, o que representa 34,09 % dos eleitores. Gustavo Fruet foi votado por 265.451 pessoas, ou 27,22 %. Com apenas 4.402 votos menos que Fruet, o atual prefeito da cidade teve 26,77 % dos votos e ficou fora da disputa.


Quase a metade da Câmara de Curitiba é renovada



Das 38 vagas da Câmara de Curitiba, 18 serão ocupadas na próxima legislatura por candidatos que atualmente não ocupavam uma cadeira na casa. O índice de renovação no legislativo municipal da capital paranaense chegou a 47,3%. O vereador mais votado – Cristiano Santos (PV) foi eleito pela primeira vez (com 14.819 votos). Já o atual presidente da casa, João do Suco (PSDB) não conseguiu se reeleger.

Os novos vereadores
Cristiano Santos (PV) – 14.819 votos
Toninho da Farmácia (PP) – 9.966 votos
Mestre Pop (PSC) – 7.691 votos
Helio Wirbiski (PPS) – 7.728 votos
Chico do Uberaba (PMN) – 7.099 votos
Colpani(PSB) – 6.981 votos 
Mauro Ignacio (PSB) – 6.843 votos 
Pier (PTB) – 6.132 votos
Tiago Gevert (PSC) – 6.059 votos
Jorge Bernardi (PDT) – 5.727 votos
Paulo Rink (PPS) – 5625 votos
Ailton Araújo(PSC) – 5.378 votos
Bruno Pessuti (PSC) – 4.691 votos
Carla Cristina Pimentel (PSC) – 4.167 votos
Rogério Campos (PSC) – 3.903 votos
Cacá Pereira (PSDC) – 3.838 votos
Chicarelli (PSDC) – 3.751 votos
Geovane Fernandes (PTB) – 2.861 votos

Os reeleitos
Prof. Galdino (PSDB) – 13.983 votos
Valdemir (PRB) – 12.725 votos
Serginho do Posto (PSDB) – 12.303 votos
Felipe Braga Cortes (PSDB) – 10.045 votos
Dona Lourdes (PSB) – 9.924 votos
Jairo Marcelino (PSD) – 9.592 votos
Beto Moraes (PSDB) – 9.326 votos
Professora Josete (PT) – 9.208 votos
Tico Kuzma (PSB) – 8.541 votos
Noemia Rocha (PMDB) – 8.139 votos
Tito Zeglin (PDT) – 7.743 votos
Manfron (PP) – 7.576 votos
Sabino Picolo (DEM)- 7.388 votos
Julieta Reis (DEM) - 6.965 votos
Paulo Salamuni (PV) - 6.823 votos
Jonny Stica (PT) - 6.609 votos
Dirceu Moreira (PSL) - 5.633 votos
Zé Maria (PPS) - 5.333 votos
Aladim (PV) - 5.130 votos
Pedro Paulo (PT) - 4.853 votos


domingo, 7 de outubro de 2012

Arte de circo é o tema de outubro no Teatro para Piás e Gurias


Teatro José Maria Santos recebe a peça Arco Íris, Uma Alegoria Circense neste domingo (7), às 11 horas


Piás e GuriasNo mês em que é comemorado o dia das crianças, o projeto Teatro para Piás e Gurias, do Centro Cultural Teatro Guaíra, preparou uma seleção especial de peças, com espetáculos temáticos inspirados na arte circense, que propicia diálogo fácil com o público e de muita interatividade. Esta semana, abrindo a programação, será apresentada a peça Arco Íris, Uma Alegoria Circense. 

O espetáculo que promete muita música, malabarismo e show de mágicas, traz a trilha sonora criada por Susi Monte Serrat e José Barbosa cantada ao vivo pelos dois músicos acompanhados por Fernando Saez. 

Para mostrar a arte do milenar do circo brasileiro, no enredo o personagem que mais marca essa característica é o palhaço, e a peça traz dois tipos. O palhaço de piadas, gags e esquetes, encontrado hoje nos circos de médio e pequeno porte, e o palhaço de reprise, encontrado no circo de grande porte, que se apresenta entre os números circenses, com reprises, sem o uso da fala com malabarismo e bola de contato. Como atração também haverá o mágico. 

Em outubro, ainda estão previstos os espetáculos: Aniversário de Palhaço, o que é? (14/10), Tradicionais – Espetáculo Circense (21/10) e O Grande Circo Trapizonga (28/10).

Serviço
Teatro para Piás e Gurias – Arco Íris, Uma Alegoria Circense
7 de outubro (domingo), às 11 horas
Teatro José Maria Santos (Rua 13 de Maio, 655, Curitiba, Centro).
Ingressos: R$5. Meia-entrada conforme previsto em lei. Crianças até 12 anos não pagam.
Informações: (41) 3322 7150 | www.facebook.com/TeatroGuaira
Fonte: CCTG

quinta-feira, 4 de outubro de 2012

MUNDO MÁGICO DE CATARINA

MUNDO MÁGICO DE CATARINA
A partir de hoje, alunos de escolas municipais de Curitiba, região metropolitana e litoral conhecerão o projeto O Mundo Mágico de Catarina- Uma Viagem Encantada pela Imaginação, realizado pela Canal/MKT com o apoio
 do HSBC e da Provopar e em parceria com as Secretarias Municipais de Educação. O foco é o estímulo e o incentivo à leitura através do teatro e da contação de histórias.

A ideia do projeto consiste em um ônibus adaptado com palco e biblioteca, que percorrerá as escolas e passará algumas horas estacionado nestes pontos para realizar as atividades. Com os esquetes teatrais e a leitura de clássicos da literatura infantil, realizados em parceria com a empresa Parabolé, o projeto pretende levar às crianças um aprendizado, uma maneira de transportar para suas próprias vidas os aspectos morais e humanos dos livros.

O homem do banco branco e a amoreira


O espetáculo “O homem do banco branco e a amoreira” é o cartaz deste fim de semana,
 no auditório Antonio Carlos Kraide – Portão Cultural. Foto:Divulgação/FCC © Daniel Protzner

Horário de verão começa no dia 21 de outubro

Horário de verão começa no dia 21 de outubro


Na época do horário de verão  temos que adiantar o nosso relógio em uma hora, e uma das vantagens do horário de verão é sem dúvidas a economia que todos nós temos em relação a energia, isso mesmo, isso acontece por conta do sol, que influencia muito, já que sua luz vai até mais tarde



Para algumas pessoas ele é adorado, pois os dias mais longos da estação podem ser mais aproveitados. Porém, para outras é odiado, devido ao mal-estar e desconforto causado pela mudança no organismo. Em 2012, o horário de verão iniciará no dia 21 de outubro e chegará ao fim a zero hora do dia 17 de fevereiro de 2013. A população das regiões sul, sudeste e centro-oeste deve adiantar seus relógios em uma hora.
Embora a alteração no horário de verão exista há 26 anos, muitas pessoas ainda têm dificuldades para se habituar à mudança. "O nosso organismo está acostumado com uma rotina já estabelecida. Cada pessoa possui um ciclo circadiano, que é o período de 24h, influenciado pela luz solar e agora é necessário construir outro hábito", explica o neurologista do Hospital Nossa Senhora das Graças, Dr. Cleverson de Macedo Gracia.
Os principais efeitos causados pelo horário de verão em algumas pessoas são: insônia, sonolência diurna, cansaço, fraqueza muscular, dores de cabeça, mau humor, ansiedade, alteração do apetite, diminuição na capacidade de concentração e irritabilidade. "Pessoas que percebem esses sinais devem interromper brevemente o que estão fazendo (se possível)", ensina o neurologista e completa: "Dormir cedo, praticar exercícios físicos, ingerir líquidos, cafeína, e apostar no convívio social ajudam a resolver o problema."
Para se manter longe do mal-estar, provocado pela mudança de horário, muitas pessoas começam a praticar exercícios físicos. Com os dias mais claros no final da tarde, há mais tempo para as atividades. Mas, de acordo com o cardiologista do Hospital Nossa Senhora das Graças, Alexandre Alessi é necessário procurar um médico para verificar as condições físicas. "Algumas atividades exigem uma boa saúde e integridade cardiovascular. Muitas pessoas podem ter alguma doença e não sabem, correndo o risco de sofrerem complicações. Por isso, é prudente procurar um especialista", alerta.
Durante a consulta médica será analisado a história clínica do paciente e a realização de alguns exames, entre eles: exame físico completo, eletrocardiograma, teste ergométrico e ecocardiograma color dopller. "Após a constatação que está tudo bem com o atleta de verão, ele deverá ter uma programação e um cronograma progressivo para realizar atividades físicas", enfatiza o médico.
Porém, é necessário considerar sua capacidade física e a modalidade de exercício que será realizada. "Uma recomendação inicial seria de atividade aeróbica de 30 minutos diária para começar, verificando sempre se há sintomas de cansaço. O uso de frequencímetros ou monitores de frequência cardíaca pode ajudar", explica Dr. Alessi.
Crianças e idosos
Para o neurologista quem mais sofre com as mudanças de horário são as crianças e os idosos, pois, são organismos menos resistentes a variações do cotidiano. A boa notícia é que o mal-estar passa rapidamente, em no máximo três dias. "Qualquer dificuldade para administrar a rotina de descanso deve-se procurar um especialista", enfatiza Dr. Cleverson.