seguir no FACEBOOK

sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

CARNAVAL 2014 - em CURITIBA


CARNAVAL 2014 NA AVENIDA CÂNDIDO DE ABREU


Desfile das escolas de samba será neste sábado, na Marechal de Deodoro

 

A Avenida Marechal Deodoro volta a receber neste sábado (1º), depois de 15 anos, o desfile das escolas de samba de Curitiba. A festa começa às 18h30, com os blocos carnavalescos, e deve terminar por volta das 5h de domingo, com a passagem da escola campeã de 2013, a Acadêmicos da Realeza.
Para festejar esse retorno do Carnaval para o centro da cidade, as escolas e blocos prometem um desfile com muito brilho e animação. O primeiro a entrar em cena é o Bloco Afoxé, que reúne integrantes dos terreiros de umbanda e candomblé de Curitiba. Há mais de 20 anos o Afoxé é responsável por fazer o ritual de “purificação” da avenida, garantindo bons fluidos para a festa.
O Bloco Derrepent vem na sequência e é outro tradicional participante dos desfiles de Curitiba. Formado por moradores do bairro Rebouças, o Derrepent desta vez vai homenagear os 40 anos do Zé Gotinha, personagem das campanhas de vacinação. Todos os integrantes da bateria estarão vestidos de Zé Gotinha, e os demais participantes com fantasias e adereços nas cores amarelo e vermelho.
O Rancho das Flores, formado por aproximadamente 400 idosos que participam dos grupos de convivência da Fundação de Ação Social (FAS), leva para a avenida o enredo “Rancho das Flores – 25 anos de alegria na Copa 2014”. Os 25 anos do bloco (criado em 1989) e o futebol são os temas das fantasias, adereços e da marchinha que conduzirá a apresentação.
Escolas – Oito escolas de samba estarão participando do desfile este ano. As primeiras a se apresentar, a partir das 21h, são as do grupo B – Imperatriz da Liberdade, Unidos de Pinhais, Bairro Alto e Internautas, cujos enredos enaltecem Curitiba e a cultura popular. “Parintins: o Festival da Ilha Encantada” é o tema escolhido pela escola “Imperatriz da Liberdade”, para enaltecer a riqueza cultural do Norte do país e homenagear o famoso Festival Folclórico de Parintins. A Unidos de Pinhais traz no seu samba-enredo “O dia a dia … Aos quatro dias… Da labuta à folia” um apelo para que os foliões aproveitem os quatro dias de Carnaval para pular, sambar e ser feliz, deixando de lado os problemas e as tristezas da vida.
Com o enredo “Buscando as cores do meu país, busquei nova terra pra ser feliz. Sou imigrante!”, a Associação Unidos do Bairro Alto presta uma homenagem a todas as etnias que fizeram a história de Curitiba. A escola de Samba Os Internautas resgata a tradição do Balé Teatro Guaíra, lembrando suas principais produções no enredo “Nos palcos do Teatro Guaíra, o balé de Pinhais constrói a sua história”.
Com maior número de integrantes e de carros alegóricos, as escolas de samba do grupo A são as últimas a entrar na avenida. A Leões da Mocidade deve dar a largada por volta da meia-noite, apresentando “Meus tambores anunciam: sorria você está na Bahia”, que destaca os encantos, as belezas naturais, a diversidade e a musicalidade da Bahia. A Embaixadores da Alegria preparou o enredo “Sobre nosso olhar e inspiração… A essência dá o tom da folia”, mostrando que o Carnaval é uma arte que requer trabalho, talento e inspiração.
“Quero brincar de ser mau!!! Mocidade faz buuu…Neste Carnaval” foi o tema preparado pela Mocidade Azul, que desta vez levará para o desfile bruxas, fantasmas, zumbis e outros personagens para “aterrorizar” as arquibancadas. Por último, a Acadêmicos da Realeza vai disputar o título com o enredo “E o mundo vem dançar no compasso da Realeza”, encenando os mais variados estilos de dança.
Um corpo de jurados acompanhará todo o desfile, atribuindo notas para os quesitos: enredo, samba-enredo, bateria, ala das baianas, comissão de frente, mestre-sala e porta-bandeira, alegorias e adereços, fantasias, conjunto e harmonia. A apuração será no domingo (2), a partir das 15h, no Memorial de Curitiba, quando será anunciada a escola campeã do Carnaval 2014

Bailes populares – A Fundação Cultural de Curitiba promove também bailes populares no Ginásio de Esportes do Bairro Novo, nos dias 3 e 4 de março (segunda e terça-feira). Com animação da Banda LeFigarroo, os bailes infantis acontecem das 15h às 19h, e para os adultos, das 20h à meia-noite. A entrada é gratuita.
Infraestrutura -  A Marechal Deodoro estará preparada para receber o público que irá ao desfile das escolas de samba no próximo sábado (1º). A infraestrutura para o desfile está sendo montada – arquibancadas, equipamentos de som e iluminação, banheiros químicos, barracas de alimentação, além dos esquemas de segurança, atendimento médico e orientação de trânsito.
O acesso do público às arquibancadas é gratuito. Estão disponíveis 2.600 lugares, sendo que 300 são reservados a idosos, deficientes físicos e gestantes. As arquibancadas estarão montadas apenas no lado esquerdo da pista (sentido Marechal Floriano). Serão instalados 60 sanitários químicos, ao longo do trecho do desfile (entre a Rua Barão do Rio Branco e Avenida Marechal Floriano) e também nas áreas de concentração e dispersão das escolas.
Vinte barracas estarão atendendo na Rua Monsenhor Celso (entre a XV de Novembro e a José Loureiro) para venda de alimentos e bebidas (água, refrigerantes e cervejas). Foram definidos também quatro pontos de vendedores ambulantes. Técnicos da vigilância sanitária e da Secretaria Municipal de Urbanismo estarão atuando na fiscalização.
Três ambulâncias – unidades móveis avançadas de pronto atendimento da Secretaria Municipal da Saúde – estarão posicionadas em pontos estratégicos para atendimento médico de emergência. O policiamento será realizado com efetivos da Polícia Militar, Polícia Civil, Guarda Municipal e Corpo de Bombeiros.
Em razão do desfile, haverá bloqueio total da pista da Marechal Deodoro a partir das 14h, no trecho entre as ruas Tibagi e Westphalen. Agentes da Secretaria de Trânsito estarão no local para orientar o trânsito.

Programação:

Desfile das Escolas de Samba
Dia 1º de março (sábado), a partir das 18h30, na Avenida Marechal Deodoro (entre a Rua Barão do Rio Branco e a Avenida Marechal Floriano)
Ordem de apresentação:
Blocos
Afoxé
Derrepente
Rancho das Flores
Escolas do Grupo B
Imperatriz da Liberdade
Unidos de Pinhais
Bairro Alto
Internautas
Escolas do Grupo A
Leões da Mocidade
Embaixadores da Alegria
Mocidade Azul
Acadêmicos da Realeza
Apuração – Campeã do Carnaval 2014
Dia 2 de março (domingo), a partir das 15h, no Memorial de Curitiba
Bailes populares
Dias 3 e 4 de março (segunda e terça-feira), no Ginásio de Esportes do Bairro Novo, com animação da Banda Lefigarroo
Bailes infantis – das 15h às 19h
Bailes para adultos – das 20h à meia-noite
Ingresso: gratuito

 E o Palhaço PIRI e sua equipe estará na avenida fazendo maquiagem no público presente.




Carnaval 2014 no Bairro Novo


Localizado na Rua Ourizona, 1.681, a uma quadra da Rua da Cidadania Bairro Novo, o ginásio abrigará os bailes infantil e adulto, com edições na segunda e terça-feira (03 e 04), sob o comando da Banda Lefigarroo. Para a criançada, a diversão vai das 15h às 19h; com a animação da equipe do Palhaço PIRI que irá montar um camarim de maquiagem artística para a criançada se divertir pra valer, fazendo maquiagens para todas,; sendo que o horário para os adultos é das 20h à meia-noite. A entrada é franca e não será permitido o consumo de bebida alcoólica e cigarro.

VENHA PRA ESSA FOLIA

CARNAVAL 2014

Ney Souza e a obra “Bodas do Príncipe”.
“Oferenda ao Templo” e Arlequim “O Rei do Baile”.
Ney Souza, que trabalha com figurinos de carnaval, teatro, ballet e moda há 40 anos. Ney fala ao Moda Brasil que suas obras não tem preço, “não há valor que pague o amor à arte e à moda”.
Cada traje leva um ano de produção, entre prova de projeto, confecção, armadura e bordados, e chega a pesar até 65 kgs.
O estilista tem o projeto de transformar seu acervo pessoal no “Museu de Moda e Carnaval Ney Souza”.

terça-feira, 25 de fevereiro de 2014

show “Estilingando”


O show “Estilingando” é uma pesquisa que une a comicidade do palhaço à técnica dos malabares e a ilusão da mágica. Estilingue é um palhaço ingênuo e sonhador que, através de cenas do cotidiano, encontra um mundo mágico e deslumbrante.

Na lógica maluca do universo do palhaço, ele torna a simples rotina de seu dia em um verdadeiro cenário de diversão, tudo em meio a trapalhadas, cores, mágicas e malabares.

Partindo de ações comuns da vida, o Palhaço Estilingue aborda sensações e sentimentos como o amor, o poder, a superação e a cumplicidade.

Conto com vocês queridos e lembrando crianças menores de 5 anos não pagam. Mais informações por INBOX ou pelo (41)9776-7229


2 X Matei




Com título irônico e divertido, o espetáculo consiste na montagem de dois textos do notório autor romeno Matéi Visniec. “O último Godot” e “O Rei, o Rato e o Bufão do Rei” são encenados apresentando refinado humor e ironia às relações hierárquicas, tanto num regime político como na própria produção teatral. Ambos os textos propõem um diálogo que ao mesmo tempo diverte e traz uma reflexão de todo o movimento sociopolítico e cultural em que vivemos.

                                               
fotos: divulgação

Gênero Comédia | 12 anos


Datas/horários


  • 26/03  21:00  hs
  • 27/03  21:00  hs

Guairinha - Aud. Salvador de Ferrante

 

Ficha Técnica

  • TextoMatéi Visniec
  • DireçãoGilberto Gawronski
  • ElencoGuida Vianna e Gilberto Gawronski
  • SupervisãoAmir Haddad
  • LuzVilmar Olos
  • VídeoJorge Neto
  • CenografiaGilberto Gawronski
  • FigurinosAntonio Medeiros e Tatiana Rodrigues
  • Assessoria de ImprensaMeise Halabi
  • Administração financeiraCurto Circuito Produções
  • Produção ExecutivaWagner Uchoa
  • RealizaçãoGPS PRODUÇÕES ARTÍSTICAS

 

O Buraco no Muro

 


Três crianças vidradas em internet (e completamente avessas à leitura) começam a receber misteriosas mensagens
em seus celulares. Elas falam de um tesouro perdido, escondido atrás de um muro. Nessa busca, eles encontram objetos
velhos, roupas, bonecos, adereços empoeirados... e diversos livros, como Moby Dick, Dom Quixote e Alice no País das
Maravilhas. Aos poucos eles vão se envolvendo em muitas brincadeiras e aventuras, que irão causar uma grande
transformação em suas vidas.
  

Gênero Infantil | Livre

Datas/horários

  • 08/04  19:00 hs
  • 09/04  19:00  hs

Park Cultural

Sobrevoar

 


 “SobreVoar” – Santos Dumont para crianças de todas as idades – mostra Santos Dumont criança, na figura do menino Albertinho Dumundo. Ele, como tantas outras crianças, é apresentado como um menino que vive numa dimensão de sonhos, onde os desafios e os obstáculos são vencidos após inúmeras tentativas, quedas e muita coragem para recomeçar e persistir para a realização de seu sonho de voar. Compartilhar todo o universo inventivo de suas tentativas e realizações aeronáuticas, enxergando Dumont como uma criança universal e atemporal, faz de suas quedas alavancas para alçar vôos mais altos.
Por meio deste tema, a Cia do Abração pretende estimular a crença nos sonhos, como um caminho possível ao êxito, percorrido através do inusitado, do incomum. Assim, aproximar-se do universo de Santos Dumont, para entendê-lo e difundi-lo, desmistificando o gênio, apresentando-o como um ser humano sensível e criativo, capaz de transcender fronteiras, e nos emocionar com seu ideal.

 


Gênero Infantil | Livre

Datas/horários

  • 05/04  19:00  hs 
  • 06/04  19:00  hs

Park Cultural

Ficha Técnica

  • Direção Letícia Guimarães
  • Elenco  Fabiana Ferreira, João Victor Theotônio, Julia Bermudez, Simão Cunha
  • Podução executiva  Fabiana Ferreira
  • Dramaturgia  Letícia Guimarães
  • Coreografia  Fabiana Ferreira
  • Cenografia   Marcelo Scalzo e Blas Torres
  • Figurino  Maureen Miranda
  • Iluminação   Anry Aider
  • Sonoplastia   Karla Izidro

 

DE VOLTA AO REINO

 


Espaço A Fábrika

Dentro do sussego da floresta, a majestade, o Rei Leão, resolve se aposentar. Com a notícia, os moradores da mata entram em disputa pela tão cobiçada coroa. A única que não participa da corrida em busca do poder é a Rainha Leoa, que resolve curtir a vida de férias da majestade.

Peça INFANTIL DE VOLTA AO REINO Cia de Teatro Bom Pra Deddel

lFringe - Festival de Teatro de Curitiba no Centro Cultural a Fábrica : Rua Fernando Amaro, 154 Alto da XV. 29/03 - 21:00 hs 30/03 - 10:30 hs 31/03 - 19:00 hs 01/04 - 14:00 hs

 Ficha Técnica

  • DireçãoEdson Eddel
  • ElencoAlexandre Ávila, Edson Eddel, Kauane Pyl
    http://www.afabrika.com.br/

Gênero Infantil | Livre









Elenco: Guilherme Klein; Gabriel Cavalcante; Marianni Maccarini; Duda Almeida; Duda Kawassak; Vivian Zanello;
 Ian Zanello;  Bruno Zanello; Sergio Colaço; Maite Schneider; Edson Eddel. Delton Bancks;  
Emanuella Pierozan; Orly Bach; Matheus Costa;  Monica Costa; kauane Py; (na foto falta o Gabriel)


                            

segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

Bloco Garibaldis e Sacis esquenta a Marechal Deodoro


A tarde fria e chuvosa deste domingo não espantou a animação dos foliões que foram à Avenida Marechal Deodoro para brincar ao som do bloco Garibaldis e Sacis. No segundo domingo do pré-Carnaval curitibano, a festa começou por volta das 16h com o grupo dançando e cantando as canções finalistas do Concurso de Marchinhas. Depois o bloco seguiu o trecho de duas quadras, em direção à Marechal Floriano, no ritmo das suas marchinhas carnavalescas tradicionais encerrando a festa às 19h.

Como no domingo anterior, a festa, realizada com apoio da Prefeitura e da Fundação Cultural de Curitiba, primou pela organização e pela segurança. Esse foi um dos pontos destacados pelos foliões que saíram com o trio elétrico, muitos fantasiados de super-heróis, conforme a sugestão do bloco, e outros abusando da própria criatividade e inventando suas fantasias. O bloco volta a se apresentar no próximo sábado (22) no bairro Sítio Cercado e no domingo (23) na Marechal Deodoro.

“Pra gente não tem tempo ruim”, garantiu o pesquisador da UFPR Rafael Kawano, que acompanha o bloco há quatro anos e desta vez trouxe os amigos para experimentar. Providenciaram o figurino e partiram para a avenida – ele, a jornalista Bruna Alcântara, o professor Luiz Henrique Pastore e o arquiteto Gabriel Coelho. Luiz Henrique, que também esteve na festa no ano passado, disse que a mudança de local do pré-Carnaval, até então restrito ao Largo da Ordem, não afetou o entusiasmo dos participantes. “Aqui ficou mais organizado. Com as proporções que a folia tomou, tinha que ser assim”, disse.
Um adereço da personagem Minie foi o suficiente para as amigas Monique Bezerra, Taís Souza, Gislaine Bezerra e Ana Lúcia Aguiar se sentirem as estrelas da festa. Elas já conheciam e acompanham o bloco há três anos. Segundo Monique, sempre inventam algum adereço que as identifique. As quatro estavam animadas e já pensavam na folia da próxima semana.

Para atender ao apelo da filha Maria Laura, de apenas 3 anos, Beatriz de Souza e o seu esposo Marcelo saíram do Bairro Novo em direção à Marechal Deodoro especialmente para ver o Garibaldis e Sacis. “Ela adora ver o boneco Saci, as fantasias dos integrantes do bloco e o som das marchinhas”, conta Beatriz. A mãe gostou do espaço novo destinado ao pré-Carnaval. “As famílias têm que aproveitar, pois agora a estrutura está bem melhor, com banheiros e principalmente muita segurança”, afirmou. Beatriz lembrou que, no próximo sábado, o bloco Garibaldis e Sacis estará no Bairro Novo, único local fora do centro da cidade a receber os festejos do pré-Carnaval. A família prometeu que estará lá.

Assim como Maria Laura, outros pequenos também se divertiram, sem se importar com a garoa intermitente. “É muito bom para as crianças, que veem coisas novas e divertidas”, comentou Elaine Aguiar, mãe de Clara, que viverá o seu primeiro Carnaval. “É pequena, mas adora uma folia”, conta a mãe.

Outra turma animada veio da Vila Lindóia. Entre parentes e vizinhos, todos moradores da mesma rua, o grupo foi instigado por Luciana Alves a conhecer a folia do Garibaldis e Sacis. “Todo mundo saiu atrás de roupas e peças que tinham em casa para vir fantasiado. Pela primeira vez estamos todos juntos, brincando e nos divertindo como crianças”, reconheceu Luciana.
Há 7 anos Célio Rafael Santili acompanha o Garibaldis e Sacis e atesta o sucesso que o bloco foi conquistando ano a ano. Na sua opinião, a mudança da festa para a Avenida Marechal Deodoro foi acertada. “Aqui está sendo muito legal. Lá no Largo já estava dando muita confusão. Além disso, para dançar de salto aqui é muito melhor”, disse. Neste domingo, vestido de mulher, ao lado do amigo Vitor Machado, era um dos mais entusiasmados. Rafael confirmou presença no próximo domingo e adiantou que irá fantasiado de “bruxa piriguete”.

Circo da Cidade inicia temporada de espetáculos

A magia do circo volta a encantar o público de todas as idades com a programação do Circo da Cidade “Zé Priguiça”, unidade da Fundação Cultural de Curitiba, que oferece espetáculos a partir desta quinta-feira (20). A lona azul e laranja, instalada na Rua Benedicto Siqueira Branco, no Alto Boqueirão, abriga performances da companhia Trash Circus, além de oficinas circenses ministradas pela companhia JL Espaço Arte, ambas selecionadas por meio de edital do Fundo Municipal da Cultura.
As primeiras apresentações do show A História de Senhora Madame, da Trash Circus, acontecem nesta quinta-feira (20), às 10h e às 15h, para alunos de escolas públicas das Regionais Boqueirão e Bairro Novo. Até o dia 29 de março, serão 24 sessões dirigidas a estudantes e também para participantes de entidades sociais de todas as Regionais da cidade, às quintas e sextas-feiras, além de seis exibições para a comunidade, sempre às 15h dos sábados, com entrada franca. Os espetáculos serão precedidos de pequenas palestras sobre aspectos da arte do circo, proferidas pela Família Salgueiro.
Desde janeiro passado, a JL Espaço Arte comanda as oficinas circenses que movimentam o local. Reconhecida pela qualidade de seus profissionais, a companhia surgiu em 2010 com a proposta de divulgar o conhecimento nas áreas de teatro e dança, com ênfase na valorização da linguagem do circo. O grupo responde pelas oficinas de Técnicas Aéreas (trapézio fixo, tecido acrobático, lira e corda indiana), Técnicas de Acrobacia (acrobacias de solo, minitrampolim, pirâmide e acrobalance), Técnicas de Manipulação (malabarismo com bolas, aros, claves, diabolôs, swing, com fitas e bandeira, prato chinês, devil stick e bola de contato) e Técnicas de Representação, além da Oficina de Palhaço.
Dirigidas a alunos das escolas da Rede Municipal de Ensino e à comunidade em geral, as oficinas têm por objetivo o desenvolvimento pessoal dos participantes, sem o intuito de profissionalização. As aulas são ministradas às segundas, terças e quartas-feiras, com turmas pela manhã, das 9h às 11h, e à tarde, das 14h às 16h. No total, 80 crianças e adolescentes, na faixa etária de 7 a 17 anos, frequentam os dois turnos, sendo que as atividades prolongam-se até o final do ano.
O espetáculo – Música, dança de rua, história em quadrinhos e videoclipes estão na concepção cênica do espetáculo circense A História de Senhora Madame, da companhia Trash Circus. O tema central envolve questões sobre a sustentabilidade, em uma reflexão sobre assuntos da sociedade contemporânea, entendidos pela autora do texto, Mariana Zanette, como fundamentais para conscientizar as famílias.
O elenco reúne nomes conhecidos das áreas de teatro, música e circo, sob a direção de Mariana Zanette – também intérprete da Senhora Madame, ao lado de integrantes da tradicional Família Salgueiro (Fábio, John e Jonathan), da artista Marina Prado, que participa da Trip Circo, e da atriz e clown Debora Wallz. O grupo completa-se com o músico Luciano Madalosso e a musicista Marcela Zanette, que atua no palco e responde pela direção musical do espetáculo. A iluminação é de Wagner Corrêa, com cenografia de Aorelio Domingues e figurino de Vivi Follador.
No picadeiro, os artista contam a trajetória da Senhora Madame, uma consumista incontrolável, que trata mal as pessoas mais pobres e é muito solitária. Madame gasta todo o seu crédito em compras e, no mesmo dia, briga com o lixeiro Amarildo e com a empregada Sebastiana, ficando presa no lixo acumulado pelo seu consumo desenfreado. Os ratos invadem a casa da Senhora Madame, que é salva por Amarildo. Arrependida de suas atitudes, ela percebe que estava fazendo tudo errado e deseja melhorar sua vida. Com a ajuda de Amarildo e da empregada Sebastiana, a Senhora Madame percebe que é possível mudar o futuro.
Serviço:
Circo da Cidade “Zé Priguiça”
Espetáculo A História de Senhora Madame, da companhia Trash Circus.
As sessões têm início no dia 20 de fevereiro de 2014 (quinta-feira), às 10h e às 15h, para alunos de escolas públicas das Regionais Boqueirão e Bairro Novo. Até o dia 29 de março, serão 24 apresentações, às quintas e sextas-feiras, dirigidas a estudantes e também para participantes de entidades sociais de todas as Regionais da cidade, além de seis exibições para a comunidade, sempre às 15h dos sábados, com entrada franca. Os espetáculos serão precedidos de pequenas palestras sobre aspectos da arte do circo, proferidas pela Família Salgueiro.
Oficinas circenses ministradas pela companhia JL Espaço Arte, dirigidas a alunos das escolas da Rede Municipal de Ensino e à comunidade em geral. As aulas são gratuitas e ministradas às segundas, terças e quartas-feiras, com turmas pela manhã, das 9h às 11h, e à tarde, das 14h às 16h, prosseguindo até o final do ano.
Local: Rua Benedicto Siqueira Branco, s/n – Alto Boqueirão (próximo ao Armazém da Família Jardim Paranaense) – telefone: (41) 3287-5307.

domingo, 9 de fevereiro de 2014

Eleitos o Rei e Rainha do Carnaval de Curitiba 2014



As princesas princesas Paula Carolina Mello Galvão e Marilia Reis dos Santos, a Rainha Larissa Sancyara de Araujo e o Rei Momo Jonas dos Santos. Foto de Cido Marques



Em noite de gala e de samba de qualidade, o Memorial de Curitiba recebeu um grande público na noite de sexta-feira (7) para a eleição do Cortejo Real do Carnaval 2014. No embalo da bateria Acadêmicos da Realeza, 8 candidatos disputaram a coroa de Rei Momo e 14 concorrentes desfilaram pelo título de Rainha do Carnaval de Curitiba. Com muito samba no pé, Jonas dos Santos, 23 anos, ganhou a simpatia dos jurados e foi escolhido o Rei Momo da capital. A rainha eleita é Larissa Sancyara de Araujo, 20 anos, passista da escola de samba Acadêmicos da Realeza que desfilará nos eventos oficiais do Carnaval 2014 ao lado das princesas Marilia Reis dos Santos e Paula Carolina Mello Galvão. 
O presidente da Fundação Cultural de Curitiba, Marcos Cordiolli, comemorou o sucesso do evento. "Este foi apenas o primeiro evento de um novo carnaval em Curitiba. E pela energia de quem participou, já dá pra ter certeza de que será um sucesso. O Carnaval volta a alimentar a alma de Curitiba", disse Cordiolli. 

Entre os critérios de avaliação para a eleição do Cortejo Real do Carnaval de Curitiba 2014 estavam simpatia, ritmo e desenvoltura e a beleza da rainha e princesas. A mesa do júri reuniu dez pessoas, entre elas os vereadores Julieta Reis, Pedro Paulo e Professora Josete. Completaram a relação de jurados os seguintes integrantes da Fundação Cultural de Curitiba: Sonia Zanetti, diretora administrativa e financeira e Nivaldo Vieira Lourenço, chefe de gabinete; os administradores das Regionais CIC e Bairro Novo Tom Vargas e Pedro Claiton; Também julgaram os concorrentes a eterna rainha do carnaval de Curitiba, Marcinha, o ator, diretor e produtor Isidoro Diniz, Brenda Santos representando o Fórum Paranaense de Religiões de Matrizes Africanas e Rede Puxirão de Comunidades Tradicionais e o Diretor da Aliança Francesa, Christian Dejour.
A escolha do Cortejo Real foi apenas o primeiro evento do carnaval curitibano deste ano. Agora, o Rei Momo, a Rainha e as Princesas passam a representar o carnaval da cidade, animando os ensaios das escolas de samba, os bailes populares e o desfile das escolas de samba de Curitiba Marechal Deodoro que acontecerá no dia 1º de março.
Realização e apoios – O Carnaval 2014 é uma realização da Prefeitura Municipal de Curitiba, da Fundação Cultural de Curitiba e do Instituto Curitiba de Arte e Cultura (ICAC), com o apoio da Câmara Municipal de Curitiba e da Associação Comercial do Paraná, através do Programa Centro Vivo.
 
Autor: Assessoria de Imprensa da FCC

Fonte: Fundação Cultural de Curitiba

Foto de Cido Marques

Foto de Cido Marques