seguir no FACEBOOK

sexta-feira, 29 de abril de 2016

FEIRA DE LIVROS CAMPO ERÊ

Participação do palhaço PIRI na feira de livros em Campo Erê - SC




                               Sucesso a Feira de Livros em Campo Erê-SC, muita leitura, show e alegria. 


























quinta-feira, 21 de abril de 2016

TIRADENTES


TIRADENTES: O Primeiro Grande Mártir da Independência do Brasil





TIRADENTES ( Joaquim José da Silva Xavier) (1746-1792), é considerado o grande mártir da independência do nosso país. Nasceu na Fazenda do Pombal, entre São José ( hoje Tiradentes) e São João del Rei, Minas Gerais. Seu pai era um pequeno fazendeiro. Tiradentes não fez estudos das primeiras letras de modo regular. Ficou órfão aos 11 anos; foi mascate, pesquisou minerais, foi médico prático. Tornou-se também conhecido, na sua época, na então capitania, por sua habilidade com que arrancava e colocava novos dentes feitos por ele mesmo, com grande arte. Sobre sua vida militar, sabe-se que pertenceu ao Regimento de Dragões de Minas Gerais. Ficou no posto de alferes, comandando uma patrulha de ronda do mato, prendendo ladrões e assassinos.
Em 1789 o Brasil-Colônia começava a apresentar algum progresso material. A população crescia, os meios de comunicação eram mais fáceis a exportação de mercadorias para a metrópole aumentava cada vez mais. Os colonos iam tendo um sentimento de autonomia cada vez maior, achando que já era tempo de o nosso país fazer a sua independência do domínio português.


Houve então em Vila Rica, atual cidade de Ouro Preto, no Estado de Minas Gerais, uma conspiração com o fim de libertar o Brasil do jugo português e proclamar a República. Uma das causas mais importantes do movimento de Vila Rica foi a independência dos Estados Unidos, que se libertara do domínio da Inglaterra em 1776, e também o entusiasmo dos filhos brasileiros que estudaram na Europa, de lá voltando com idéias de liberdade.
Ainda nessa ocasião não era boa a situação econômica da Capitania de Minas, pois as Minas já não produziam muito ouro e a cobrança dos impostos ( feita por Portugal) era cada vez mais alta.
O governador de Minas Gerais, Visconde de Barbacena, resolveu lançar a derrama, nome que se dava à cobrança dos impostos. Por isso, os conspiradores combinaram que a revolução deveria irromper no dia em que fossem cobrados esses impostos. Desse modo, o descontentamento do povo, provocado pela derrama, tornaria vitorioso o movimento.
A conjuração começou a ser preparada. Militares, escritores de renome, poetas famosos, magistrados e sacerdotes tomaram parte nos planos de rebelião. Os conspiradores pretendiam proclamar uma república, com a abolição imediata da escravatura, procedendo à construção de uma universidade, ao desenvolvimento da educação para o povo, além de outras reformas sociais de interesse para a coletividade.
Uma das primeiras figuras da Inconfidência foi Tiradentes. O movimento revolucionário ficou apenas em teoria, pois não chegou a se realizar. Em março de 1789, o coronel Joaquim Silvério dos Reis, que se fingia amigo e companheiro, traiu-os, denunciando o movimento ao governador.
Tiradentes achava-se , nessa ocasião no Rio de Janeiro. Percebendo que estava sendo vigiado, procurou esconder-se numa casa da rua dos Latoeiros, atualmente Gonçalves Dias, sendo ali preso. O processo durou 3 anos, sendo afinal lida a sentença dos prisioneiros conjurados. No dia seguinte uma nova sentença modificava a anterior, mantendo a pena de morte somente para Tiradentes.
Tiradentes foi enforcado a 21 de abril de 1792, no Largo da Lampadosa, Rio de Janeiro. Seu corpo foi esquartejado, sua cabeça foi erguida em um poste em Vila Rica, arrasaram a casa em que morava e declararam infames os seus descendentes.
Enciclopédia Ilustrada do Ensino Primário. São Paulo: 

quarta-feira, 20 de abril de 2016

CURSO DE MAQUIAGEM ARTISTICA INFANTIL COM TINÁCIO 2016



DEVIDO A FALTA DE PUBLICO PARA QUE POSSAMOS VIABILIZAR A VINDA DO TINÁCIO PARA CURITIBA, INFELIZMENTE ESTOU CANCELANDO
O CURSO QUE SERIA REALIZADO POR ELE.
POR ISTO PEÇO DESCULPAS. E ESTAREMOS TENTANDO REMARCAR NOVA DATA 
QUANDO HOUVER MAIS PROCURA.
MUITO OBRIGADO
FERNANDO SAEZ
41 9993-3209

Serão dicas e orientações sobre maquiagem infantil, dadas pelo Tinácio.
Novas técnicas, com tintas pastosas, esponja e novas cores,
O evento será nos dias 29 e 30 de Abril com 3 turmas no horário de 09:00 às e 13 horas (sexta e sabado) ou 14:00 as 16:00 hs (sexta)

Valor da inscrição: R$ 160,00  com certificado.

As inscrições podem ser feitas antecipadas pelo endereço de email, fernandosaez8@hotmail.com

Teremos venda de tintas e dvd´s no local.

As inscrições poderão ser realizadas até o dia 20 de ABRIL de 2016;
O prazo de inscrição não garante a disponibilidade de vaga, portanto, faça a sua inscrição o mais breve possível;

O Curso será realizado na Livraria Paulus, Av. Rui Barbosa, 599;

Traga uma criança que será maquiada por você no curso.


Obs.: A inscrição somente será efetivada mediante o envio da ficha de inscrição e comprovante de pagamento, não garantimos disponibilidade de vaga.


Antecipe-se para garantir a sua inscrição, vagas limitadas.


MAIS INFORMAÇÕES E INSCRIÇÕES
Fernando Saez – Palhaço PIRI, Eventos e Recreação
41 9993-3209 celular e wats E-mail: fernandosaez8@hotmail.com









terça-feira, 19 de abril de 2016

FEIRA DE LIVROS EM PRUDENTOPOLIS

Participação do palhaço PIRI na feira de livros em Prudentópolis junto com a JVL livros.
Sucesso total .


















domingo, 17 de abril de 2016

Sábado Cultural Escola Municipal Dom Manuel.

Palhaço Piri participa com seu neto palhaço Feijão no Sábado Cultural da Escola Municipal Dom Manuel.

Um sabado muito alegre e divertido onde os pais com seu filhos (as) mostraram seus talentos, muita musica, poesia, dança, contação de historias e nao podia faltar muita palhaçada.














sábado, 16 de abril de 2016

Roteiro mostra mais de 20 exposições para visitar em Curitiba em abril

O Museu Oscar Niemeyer (rua Marechal Hermes, 999, Centro Cívico) expõe, até 26 de junho, a mostra "Ohar InComun: Japão Revisitado", que traz o olhar de 21 artistas contemporâneos que possuem laços sanguíneos com o país asiático. A exposição pode ser visitada de terça-feira a domingo, das 10h às 18h. Os ingressos custam R$ 12 (inteira) e R$ 6 (meia-entrada). Mais informações pelo site www.museuoscarniemeyer.org.br






O Museu Paranaense (rua Kellers, 289, São Francisco) apresenta a exposição "Trajes Típicos Regionais Portugueses", que se propõe a rever tradições e referências de um dos grupos étnicos formadores da população paranaense. A mostra é organizada pelo grupo folclórico Alma Lusa, com o apoio da Sociedade Portuguesa 1º de Dezembro. A entrada é gratuita e a visita pode ser feita até 26 de junho, de terça a sexta-feira, das 9h às 18h, e aos sábados e domingos, das 10h às 16h. Mais informações pelo telefone (41) 3304-3300 e pelo site www.museuparanaense.pr.gov.br






A exposição "Percurso", em cartaz no Museu da Gravura Cidade de Curitiba (Solar do Barão - Rua Carlos Cavalcanti, 533, centro), é um retrato do caminho percorrido por Valdir Francisco por meio de gravuras e objetos tridimensionais. Em suas obras, o artista constrói tramas simbólicas que combinam materiais e técnicas e se inspiram no universo da seda. A exposição, com entrada franca, fica em exibição até 31 de julho e pode ser visitada de terça a sexta-feira, das 9h às 12h e das 13h às 18h, e aos sábados, domingos e feriados, das 12h às 18h. Mais informações pelo telefone (41) 3321-3367






O álbum "Bugreiro", de Elvo Benito Damo, em cartaz no Museu da Gravura Cidade de Curitiba (Solar do Barão - Rua Carlos Cavalcanti, 533, Centro), foi publicado em 1979 com Reynaldo Jardim. É composto de 18 xilogravuras assinadas e numeradas que estão no acervo do Museu da Gravura. O tema é voltado para o problema das minorias indígenas, com sentido duplamente social: filiar-se ao expressionismo latino-americano, colocando a obra de arte ao alcance do público, e defender a causa indígena. A exposição, com entrada franca, fica em exibição até 31 de julho e pode ser visitada de terça a sexta-feira, das 9h às 12h e das 13h às 18h, e aos sábados, domingos e feriados, das 12h às 18h. Mais informações pelo telefone (41) 3321-3367

O Museu Oscar Niemeyer (MON) recebe a mostra "Nos pormenores um universo - Centenário de Vilanova Artigas", sobre o arquiteto curitibano João Batista Vilanova Artigas (1915-1985), que completaria 100 anos em 2015. A exposição no MON (Museu Oscar Niemeyer, 999, Centro Cívico), que ocupa duas salas do museu, traz projetos originais, desenhos artísticos do arquiteto e maquetes, além de obras dos artistas do modernismo aos concretos, principalmente aqueles que influenciaram a obra de Artigas. A mostra teve seu fim postergado e pode ser visitada até 31 de julho, de terça-feira a domingo, das 10h às 18h. Os ingressos custam R$ 12 (inteira) e R$ 6 (meia-entrada). Mais informações pelo site museuoscarniemeyer.org.br


O fotógrafo e artista visual gaúcho Milton Boeira expõe no Museu da Fotografia Cidade de Curitiba (Solar do Barão ? Rua Presidente Carlos Cavalcanti, 533 ? Centro), sua exposição individual "Metrópole". Resultado de mais de dez anos de experiência do artista com fotografia urbana, o trabalho reúne design gráfico, instalação, arte visual, conceitos artísticos e filosóficos. Em exposição até 8 de maio, a mostra gratuita pode ser visitada de terça a sexta-feira, das 9 às 12h e das 14h às 18h, e aos sábados e domingos, das 12h às 18h. Mais informações pelo telefone (41) 3321-3367


A Caixa Cultural Curitiba (rua Conselheiro Laurindo, 280, centro) apresenta a exposição "Coisas existentes em função do desejo", do artista baiano Marcos Zacariades. A exposição é um conjunto de 12 obras, entre instalações, vídeos, esculturas e assemblagens. O resultado nasceu da observação do contexto da mineração na Chapada Diamantina, na Bahia, onde vive o artista - do cenário extrativista do garimpo de diamantes, do legado das minas exauridas em meados do século 20 e de minas que ainda se mantêm na região. Com entrada franca, a mostra fica em cartaz até 24 de abril e pode ser visitada de terça-feira a sábado, das 10h às 20h, e aos domingos, das 10h às 19h. Mais informações pelo telefone (41) 2118-5114


O ParkShoppingBarigüi (Rua Professor Pedro Viriato Parigot de Souza, 600, Mossunguê) apresenta a exposição "Guerreiros - Os Maiores da História", com um acervo que reúne curiosidade e detalhes dos cavaleiros medievais, dos samurais e dos grandes guerreiros de todos os tempos. A mostra é gratuita e reúne mais de 150 peças, entre originais e réplicas, como espadas, armaduras, escudos, roupas, capacetes, peças arqueológicas e representação de famosas batalhas. A mostra pode ser visitada até 24 de abril, durante o funcionamento do shopping. Mais informações pelo site www.parkshoppingbarigui.com.br


Uma imagem vale mais que mil palavras no projeto "Eu vejo assim", para transformar desenhos de sonhos e aventuras em fotografias a partir da percepção do universo infantil. O trabalho produzido por crianças em tratamento no Hospital Pequeno Príncipe pode ser conferido na exposição, até 29 de abril, na Galeria InterAtividade, no Pátio Batel (avenida do Batel, 1868, Batel). A exposição tem entrada franca e pode ser vista de segunda-feira a sábado, das 10h às 22h, e aos domingos, das 14hs às 20h. Mais informações pelo site montenegroproducoes.com/eu-vejo-assim



A galeria Ybakatu (rua Francisco Rocha, 62, Batel) recebe a mostra "Desenhos e Objetos", exposição individual do artista carioca Daniel Murgel, inspirada nos "diálogos" entre cada objeto e sua versão em desenho, seguindo a lógica do projeto que antecede a construção. Com entrada franca, a exposição pode ser visitada até 29 de abril, de segunda a sexta, das 10h às 12h30 e das 13h30 às 17h. Mais informações pelo site www.ybakatu.com





A exposição "Compartilhando a Paz", em exposição no Centro Juvenil de Artes Plásticas (rua Mateus Leme, 56, São Francisco) reúne desenhos e pinturas produzidos para o Concurso Anual de Cartaz sobre a Paz do Lions Club International, feita por alunos. A exposição, com entrada franca, fica em exibição até 1º de maio e pode ser visitada de terça a sexta-feira, das 8h30 às 12h e das 13h30 às 18h. Mais informações pelo site www.cjap.seec.pr.gov.br





A cronologia das histórias em quadrinhos da cidade por meio de seus personagens está na exposição "Fabulosa Galeria de Personagens dos Quadrinhos de Curitiba", em cartaz no Museu da Gravura da Cidade de Curitiba (Solar do Barão - Rua Presidente Carlos Cavalcanti, 533, Centro). O conhecido "Curitibinha", do Marcos Vaz, é um dos 65 personagens em exposição. A mostra pode ser visitada até 1º de maio, de terça a sexta-feira, das 9h às 12h e 14h às 18h, e aos sábados e domingos, das 12h às 18h. A entrada é franca. Mais informações pelo telefone (41) 3321-3367







A Boiler Galeria (alameda Presidente Taunay, 314, Batel) apresenta as obras do artista curitibano Felipe Scandelari, que expõe a mostra "My Computer". Ele trabalha com pinturas realistas e tem sua carreira marcada por participação em mostras internacionais como a Bienal de Curitiba. Sua pintura em óleo sobre tela mostra recortes de fotografias de família, amigos, madonas e super-heróis, objetos de casa, pincéis e brinquedos. A mostra pode ser visitada até 5 de maio, de terça-feira a sábado, das 14h às 19h, com entrada franca. Mais informações pelo telefone (41) 3040-8016