seguir no FACEBOOK

quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

CURRICULUN


Palhaço Piri, há vinte e nove anos trabalhando como animador em festas infantis, programa Mário Vendramel na Televisão do Paraná, inaugurações de órgãos públicos na Prefeitura de Curitiba,programa de televisão próprio em 2000 na TV BAND CURITIBA com gincana escolar e apresentação de atrações artísticas, participação como artista performatico do projeto FERA secretaria de Estado da Educação Governo do Paraná. Eu sou Feliz por ter ganho da vida uma familia que me ama, De ter ganho pessoas ao meu redor que me elogiam e me admiram me fazendo ser melhor, serei sempre grato a Deus pela saúde que me deu, nada tenho a reclamar da vida que ele me fez admirar, depois de tudo isso que ganhei, pra vida eu vencerei e pro fracasso eu jamais me entregarei, esse é o meu método de viver , pois nasci pra ser feliz, nasci pra aprender, nasci para viver. Se sou Feliz ? Isso só eu sei....E como eu sei!!!!!!!!!!
(O Direito Autoral das fotos aqui publicadas são do palhaço PIRI, e os direitos de comercialização são da Agência Piri & Cia. Qualquer uso não autorizado destas imagens constitui-se em contrafação à Lei do Direito Autoral nº 9610/98.)

sexta-feira, 15 de janeiro de 2010

CIRCO ENCANTOS



elenco: Gilberto Salgueiro, Leida, Valter Cabral, Jéssica, Giva,  Luciano Feitosa, Rayan, Pablo, Mágico Hugo Moraes, palhaço Pulguinha, palhaço PIRI
O palhaço Piri se apresenta junto com a compania Circo Encantos, nos finais de semana nas praias do Litoral Paranaense no Projeto Viva o Verão com realização do Governo do Estado do Paraná, Secretaria Estadual da Educação e Paraná Esportes.
O espetáculo reune artistas de diferentes categorias, como, malabarismo, palhaços, acrobacia, monociclos, equilibrismo, ilusionismo, trapézio, corda indiana, lira, homem pássaro, mágico e ventríloco, entre outras atrações.


nos dias 15, 16 e 17 de janeiro o circo será armado na praça central da praia de Matinhos.
nos dias 23, 24 e 25 de janeiro o circo será armado na praia de Ipanema.
nos dias 29, 30 e 31 de janeiro o circo estará armado na praia de Shangrilá na festa do Carangueijo

Vale a pena conferir.

(O Direito Autoral das fotos aqui publicadas são do palhaço PIRI, e os direitos de comercialização são da Agência Piri & Cia. Qualquer uso não autorizado destas imagens constitui-se em contrafação à Lei do Direito Autoral nº 9610/98.)

quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

Homenagem à Zilda Arns

       Trabalho de Zilda Arns beneficiou mais de 2 milhões de crianças


Zilda Arns, 75, fundadora e coordenadora da Pastoral da Criança e da Pastoral da Pessoa Idosa, estava em missão humanitária no país e está entre as vítimas do terremoto

Terremoto mata Zilda Arns no Haiti

O gabinete do senador Flávio José Arns informou há pouco que Zilda Arns Neumann, coordenadora internacional da Pastoral da Criança, estava no Haiti para a realização de uma palestra sobre o trabalho humanitário desenvolvido pela pastoral. A informação sobre a morte de Zilda Arns foi passada primeiro para o gabinete do senador em Brasília e depois para o gabinete em Curtiba. O senador Flávio José Arns teve a notícia pela manhã, quando chegava a Brasília. Ele deve embarcar para o Haiti, onde vai buscar o corpo de Zilda. Segundo as primeiras informações, Zilda estaria acompanhada de um militar brasileiro, que também teria morrido.

Camilo Coelho - Extra
Noticias O Globo

Zilda Arns

OLD

Médica pediatra e sanitarista, fundadora e coordenadora nacional da Pastoral da Criança, Organismo de Ação Social da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil. Nasceu no dia 25 de agosto de 1934, em Forquilhinha, Estado de Santa Catarina, Sul do Brasil. Filha de Gabriel Arns e Helena Steiner Arns. Irmã de Dom Paulo Evaristo Arns, cardeal arcebispo emérito de São Paulo. Viúva (1978), é mãe de cinco filhos: Rubens (Médico Veterinário), Nelson (Médico), Heloísa (Psicóloga), Rogério (Administrador de Empresas) e Silvia (Administradora de Empresas). Para chegar até a indicação ao Prêmio Nobel, Zilda Arns percorreu um longo e dedicado caminho. Sua formação começa em Forquilhinha, SC e em 1959 termina o curso de Medicina, em Curitiba. Parte então, para suas especializações, que envolvem desde a Educação Física, a cursos de Pediatria Social, encaminhado-se então a outros cursos de aperfeiçoamento. Começa sua vida profissional como Médica Pediatra do Hospital de Crianças Cezar Pernetta -Curitiba/PR - 1955 a 1964 e em 1983 é a Fundadora e Coordenadora Nacional da Pastoral da Criança da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, até a presente data. Suas participações em eventos internacionais são diversas, da Angola a Indonésia, Estados Unidos e Europa, Zilda Arns representa a Pastoral, palestra, acompanha Comitivas Brasileiras a outros países e leva a Pastoral da Criança para o mundo. Participa ainda de outros tantos eventos Latino Americanos, principalmente apresentando e divulgando o trabalho da Pastoral da Criança. Sua participação em eventos nacionais é praticamente incontável, desde 1994 são aproximadamente 27 eventos ligados à Pastoral da Criança e ainda inúmeros outros pela Pediatria. Tanta dedicação tem seu reconhecimento. Desde 1978, são diversas menções especiais e títulos de cidadã honorária. E da mesma forma, a Pastoral da Criança já recebeu diversos prêmios pelo trabalho que vem sendo feito desde a sua fundação.
O trabalho de Zilda Arns serviu de modelo para vários países, como Angola, Moçambique, Guiné-Bissau; Timor Leste, Filipinas, Paraguai, Peru, Bolívia, Venezuela, Argentina, Chile, Colômbia, Uruguai, Equador e México. Em algumas dessas nações a própria médica ministrou cursos sobre como estruturar as ações.

terça-feira, 12 de janeiro de 2010

Fundação Cultural promove a 28ª Oficina de Música de Curitiba


Fundação Cultural promove a 28ª Oficina de Música de Curitiba


A Oficina de Música de Curitiba chega à 28ª edição. Promovida pela Prefeitura e Fundação Cultural de Curitiba, é um dos maiores eventos de música da América Latina, que reúne todos os anos em seus cursos mais de 1.500 participantes, entre alunos e professores, do Brasil e de outros países. Durante a Oficina, uma série de concertos toma conta da cidade de 10 a 31 de janeiro e traz muitas atrações internacionais em suas duas fases – erudita e popular –, como o conjunto americano Fry Street Quartet e o Quarteto de Candombe, do Uruguai.

O tema desta edição é “Quando o erudito encontra o popular e vice-versa”. A proposta é estabelecer um diálogo entre a música de tradição popular e a música erudita, mostrando como os compositores eruditos encontram a música popular e vice-versa. “Na primeira fase, teremos obras de Villa-Lobos, Bela Bartók, Igor Stravinsky, Frederic Chopin, entre outros. Já na segunda fase, encontraremos a música de Tom Jobim, Ernesto Nazareth e Chiquinha Gonzaga em uma grande celebração musical”, diz a diretora geral da Oficina de Música, Janete Andrade.

A 28ª Oficina terá 89 cursos de instrumentos, técnica vocal, composição, práticas de orquestra e de conjuntos, além de alguns núcleos especializados, como o de música antiga, que integra a programação do evento há vários anos. Desta vez, as novidades ficam por conta dos núcleos de Música e Tecnologia e Música Latino Americana.

O corpo docente é formado por grandes músicos internacionais, daí a razão da grande afluência de estudantes de música de todo Brasil e de outros países. Eles enxergam na Oficina a oportunidade única de aprender e se aperfeiçoar com os maiores mestres em seus instrumentos. É o caso do oboísta Isaac Duarte (Brasil/Suíça), do clarinetista Étienne Lamaison (França) e do clarinetista Gabriele Mirabassi (Itália) que, além de ensinar suas melhores técnicas e descobrir talentos, fazem apresentações e proporcionam espetáculos inéditos.

Novos convidados também propiciam novas experiências para os alunos e para o público. Em 2010, o quarteto americano Fry Street Quartet, além de fazer um concerto especial durante a Oficina, participa dos cursos como grupo residente. Seus integrantes – William Fedkenheuer, Rebecca Mc Faul, Brant Bayless e Anne Francis – darão aulas de violino, viola e violoncelo. O grupo é um dos mais aclamados conjuntos de cordas dos Estados Unidos. Representante da nova geração, o quarteto recebeu, em 2000, um dos mais importantes prêmios de música de câmara (Millenium Grand Prize at the Fischoff National Chamber) e, desde então, vem realizando concertos pelo mundo inteiro.

Outro convidado é o Quarteto de Candombe do Uruguai, liderado por Hugo Fattoruso. Dentro da proposta de estabelecer o encontro da música brasileira com a música latino americana, Hugo Fattoruso apresentará ao público da Oficina esse ritmo afro uruguaio, suas origens e seus sons. O candombe, que faz uso de diferentes tipos de tambores (o tambor piano, o tambor chico e o repique), é um elemento importante da cultura uruguaia e Hugo tem sido um dos seus principais difusores.

Presenças inéditas na Oficina de Música também são: Christine Hoock (contrabaixo/Alemanha), Sérgio Carolino (tuba/Portugal), Jan Krzystof Broja (piano/Polônia), Enza Ferrari (ópera/Itália), Juan Miguel Quintana (viola da gamba/Argentina), Gilson Silveira (percussão/Itália), Javier Domingues (sonoplastia da imagem/ Argentina), Jorge Cardoso (bandolim e cavaquinho/Brasília), Weber Lopes (violão/Minas Gerais), Dante Ozzetti (letra e canção/São Paulo) e Fernando Barba (música infantil/ São Paulo).

Serviço:
28ª Oficina de Música de Curitiba (de 10 a 31 de janeiro de 2010)
Música Erudita e Música Antiga – 10 a 20 de janeiro
Música Popular Brasileira – 21 a 31 de janeiro
Música e Tecnologia – 25 a 29 de janeiro
Música Latino Americana – 25 a 29 de janeiro

Tudo o que acontece na 28ª Oficina de Música de Curitiba pode ser acompanhado em mídias da internet: Sites, Blog, Twitter, Orkut, Flickr, Youtube. Fotos, vídeos, programação e muitas novidades estão disponíveis nos endereços:
http://www.oficinademusica.org.br/
http://www.fundacaoculturaldecuritiba.com.br/
http://oficinademusicadecuritiba.blogspot.com/
http://twitter.com/oficinademusica
http://www.youtube.com/oficinademusicacwb
http://www.vimeo.com/user1141136
http://www.flickr.com/photos/fundacaoculturaldecuritiba
Outras fotos da Oficina de Música estão disponíveis no endereço:
http://www.flickr.com/photos/oficinademusicadecuritiba_2009


Autor: Assessoria de Imprensa
Fonte: Fundação Cultural de Curitiba

segunda-feira, 11 de janeiro de 2010

sexta-feira, 1 de janeiro de 2010

FELIZ 2010





ESTE ANO (2010)


QUE ESTE ANO

TENHA UM SORRISO INOCENTE!

BEM SIMPLES E DECENTE...

BEM DO CONTENTE!

QUE NOSSAS ALMAS BRILHEM

E QUE NUNCA ELAS SE MACHUQUEM.

QUE A VIDA SE FAÇA UMA SEDA

QUE LEVE VOE AO VENTO...

QUE ENCONTREMOS UMA LUZ FRESCA.

QUE O SAL DO UNIVERSO DE GOSTO

AOS NOSSOS CORAÇÕES!

E POSSAMOS RESPIRAR AS EMOÇÕES

EM CADA PARTÍCULA DA NOSSA EXISTÊNCIA...

PODEMOS SER ATÉ CRIANÇAS ARTEIRAS

MAS USANDO JOELHEIRAS E COTOVELEIRAS!



AUTOR MARIO MACEDO DE ALMEIDA
Publicado no site: O Melhor da Web em 26/12/2009
Código do Texto: 47899