seguir no FACEBOOK

sábado, 31 de março de 2012

Homenagem a Lala Schneider


Homenagem a Lala Schneider no aniversário de Curitiba

Um dos símbolos do teatro paranaense, a atriz Lala Schneider, falecida em 2007, recebe uma homenagem de Curitiba, quando a cidade comemora o aniversário de 319 anos. Neste sábado (31), às 12h, o prefeito Luciano Ducci e o governador Beto Richa inauguram na Praça Santos Andrade um monumento que eterniza a contribuição da atriz para a cultura brasileira. Ele leva a assinatura dos artistas Alfi Vivern e Maria Inés Di Bella.

Localizada bem em frente ao Teatro Guaíra, a obra revela o rosto de Lala Schneider em forma de máscara, saindo de um bloco bruto de granito de sete toneladas que, na parte superior, transforma-se em estrela. A máscara, feita em bronze, pesa 270 quilos e capta a emoção da atriz que conquistou plateias no teatro, na televisão e no cinema.

"É uma estrela que nasce do granito bruto, simbolizando todos os desafios que essa artista venceu", destaca Alfi Vivern, ao falar sobre a mensagem da escultura. Para elaborar a obra, Alfi e Maria Inés Di Bella mergulharam na rica trajetória de Lala Schneider, reconhecida como primeira-dama do teatro paranaense.

Os artistas plásticos argentinos, que escolheram Curitiba para viver, já integram a história cultural do Paraná. Maria Inés Di Bella aqui chegou em 1978 e tem esculturas espalhadas por diversas cidades brasileiras. A artista é responsável por vários trabalhos que marcam a paisagem curitibana, entre elas o monumento de Nossa Senhora da Luz dos Pinhais, instalado na Rua Barão do Cerro Azul, ao lado da Catedral Basílica de Curitiba.

Alfi Vivern, no Brasil desde 1972, dirigiu o Museu de Arte Contemporânea do Paraná, de 2007 até 2010. Com várias exposições individuais e coletivas no Brasil e exterior, possui obras em países como Egito, Emirados Árabes, Bélgica, Espanha, França, Colômbia, Peru, México, Estados Unidos, Argentina, Turquia, Alemanha, Itália, Coreia e China.

A atriz -
 Nascida em 23 de abril de 1926, em Irati (PR), Lala Schneider subiu pela primeira vez ao palco em 1950, na peça "O Poder do Amor", no Teatro do Sesi. Atriz de teatro, televisão, cinema, diretora e professora de interpretação, Lala figurou entre as melhores atrizes do Brasil.
Lala Schneider atuou em 99 peças, nove filmes e oito novelas, durante 52 anos de carreira artística. Na Rede Globo, fez participações em novelas como "Lua cheia de amor" e "Felicidade", além da minissérie "Tereza Batista". A artista conquistou 16 prêmios, entre eles o Troféu Gralha Azul na categoria Melhor Atriz, em duas ocasiões: na edição 1984/1985, com "Colônia Cecília", e em 1992/1993, com "O Vampiro e a Polaquinha".

No cinema, trabalhou principalmente com cineastas paranaenses. A atriz esteve em "Guerra dos Pelados", "Aleluia Gretchen" e "Making of Curitiba", de Sylvio Back; "O Cerco da Lapa", de Berenice Mendes; e "Maré Alta", de Egídio Élcio, entre outros. Seu último trabalho local foi o filme "Mistéryus", baseado em contos de Valêncio Xavier.

Em homenagem à atriz, o diretor João Luiz Fiani inaugurou um teatro em Curitiba, em 1994, com o nome de Fundação Teatro Lala Schneider. Em 2004, Lala Schneider recebeu do Centro Cultural Teatro Guaíra a Medalha Comemorativa dos 50 anos do Guairinha (Auditório Salvador de Ferrante), homenagem concedida às personalidades que fazem parte da história do teatro paranaense. A artista faleceu em 28 de fevereiro de 2007.

Serviço:
Comemorações do aniversário de Curitiba
Inauguração do monumento em homenagem a Lala Schneider, pelo prefeito Luciano Ducci e o governador Beto Richa.
Data e horário: dia 31 de março de 2012 (sábado), às 12h
Local: Praça Santos Andrade
Entrada franca

Autor: Assessoria de Imprensa

Fonte: Fundação Cultural de Curitiba
Postada em: 28/03/2012

terça-feira, 27 de março de 2012

Dia do Circo


O dia 27 de março, data de nascimento de Piolin (Abelardo Pinto / 1897-1973), foi declarado oficialmente “Dia do Circo” no estado de São Paulo, em 1973. De origem paulista, o “Dia do Circo” se espalhou por todo país e hoje é comemorado do Amazonas ao Prata.
Coincidentemente, neste dia se comemora também o Dia Internacional do Teatro (data da inauguração do Teatro das Nações em Paris). E assim, o Brasil que (re)inventou o circo-teatro comemora o circo e o teatro no mesmo dia.
É bom lembrar que a primeira vez que se comemorou publicamente o aniversário de Piolin foi no ano de 1929, na cidade de São Paulo, precisamente no restaurante do Mappin Store. Foi lá que os modernistas, em sua fase antropofágica, realizaram um banquete em que o prato principal, curiosamente, era Piolin.
Homens, mulheres e crianças circenses contribuíram e contribuem na produção artístico-cultural brasileira há quase dois séculos, entretanto, todo conjunto que representam as ações de nossos Mestres não está tendo o devido valor. É urgente a necessidade de registrar suas histórias de vida

Viva o Circo!
Viva o Teatro!
Viva o Circo-Teatro!

fonte:Café dos Artistas
O circo


Há quem se dedique dentro de um circo sujo e promiscuo,
Há quem se sinta palhaço dentro dele.
Palhaços servem pra dar sabor à vida.
Palhaços servem para alegrar a triste trajetória.
Palhaços vivenciam sua própria desgraça.

Há quem diga que somos partes de um circo.
Somos palhaços da vida, quando,
Somos assaltados, e indefesos entregamos nossas riquezas.
Há quem diga que temos nossos direitos, mas,
São sempre cobrados nossos deveres?
Há quem quer ser o palhaço do circo, não enxergando a vida.
Creio que há passagens internas das quais todos devem decidir
Qual o caminho seguir.
A livre escolha faz do homem um sábio,
Faz do anão, sorridente,
Do palhaço, adjacente,
Da bailarina, eficiente.
Do domador, demente.

Somos palco ou bases?
Somos aplausos ou derrota?
Prefiro ser eu.
Há quem luta por direitos e deveres sem esmorecer.
Prefiro que os meus usem de sabedoria para ultrapassar barreiras.
Há quem chora na escuridão e se enclausura na parede,
Formando um triste quadro.

Paola Vannucci 13/07/2009


sábado, 24 de março de 2012

Atrações artísticas na abertura dos JEPS de Contenda


Atrações artísticas na abertura dos JEPS de Contenda

  

Na tarde desta sexta-feira a Prefeitura Municipal de Contenda realizou a abertura dos Jogos   Escolares do Paraná - Fase Municipal no Ginásio de Esportes Adhelmar Sicuro.
O evento teve a participação dos Colégios, Adhelmar Sicuro, Miguel Franco Filho, Pedro José Puchalski e da Escola Ver. Francisco Cordeiro, além da APAE de Contenda.
Estiveram presentes na cerimonia: Diretora de Educação Maria Luiza H. Mazur, Gestor Esportivo Silvio Espinola, vereador Pedro Boçoen, Vice Prefeito Carlos Eugênio Estabach e o Prefeito Municipal Hélio Boçoen.
 
As apresentações artísticas e esportivas ficaram por conta dos Grupos de Dança de Agudos do Sul, do Grupo de Capoeira Raízes de Quatro Barras e do Palhaço Piri.
Os jogos começam nesta segunda-feira no Ginásio de Esportes do Colégio Pedro José Puchalski na Serrinha, com a modalidade de futsal a partir das 14 horas.
PALHAÇO PIRI LEVOU TODA SUA ALEGRIA AOS JOVENS ATLETAS
GRUPO RAÍZES DE CAPOEIRA DO MESTRE CARVOEIRO

FONTE: http://jepscontenda2.blogspot.com.br/2012/03/atracoes-artisticas-na-abertura-dos.html

quinta-feira, 22 de março de 2012

Dia Mundial da Água


Água: um bem natural que deve ser preservado


História do Dia Mundial da Água, 22 de março, Declaração Universal dos Direitos da Água, sugestões de preservação


História do Dia Mundial da Água


O Dia Mundial da Água foi criado pela ONU (Organização das Nações Unidas) no dia 22 de março de 1992. O dia 22 de março, de cada ano, é destinado a discussão sobre os diversos temas relacionadas a este importante bem natural.

Mas porque a ONU se preocupou com a água se sabemos que dois terços do planeta Terra é formado por este precioso líquido? A razão é que pouca quantidade, cerca de 0,008 %, do total da água do nosso planeta é potável (própria para o consumo). E como sabemos, grande parte das fontes desta água (rios, lagos e represas) esta sendo contaminada, poluída e degradada pela ação predatória do homem. Esta situação é preocupante, pois poderá faltar, num futuro próximo, água para o consumo de grande parte da população mundial. Pensando nisso, foi instituído o Dia Mundial da Água, cujo objetivo principal é criar um momento de reflexão, análise, conscientização e elaboração de medidas práticas para resolver tal problema.

No dia 22 de março de 1992, a ONU também divulgou um importante documento: a “Declaração Universal dos Direitos da Água” (leia abaixo). Este texto apresenta uma série de medidas, sugestões e informações que servem para despertar a consciência ecológica da população e dos governantes para a questão da água.

Mas como devemos comemorar esta importante data? Não só neste dia, mas também nos outros 364 dias do ano, precisamos tomar atitudes em nosso dia-a-dia que colaborem para a preservação e economia deste bem natural. Sugestões não faltam: não jogar lixo nos rios e lagos; economizar água nas atividades cotidianas (banho, escovação de dentes, lavagem de louças etc); reutilizar a água em diversas situações; respeitar as regiões de mananciais e divulgar idéias ecológicas para amigos, parentes e outras pessoas.

Declaração Universal dos Direitos da Água

Art. 1º - A água faz parte do patrimônio do planeta.Cada continente, cada povo, cada nação, cada região, cada cidade, cada cidadão é plenamente responsável aos olhos de todos.

Art. 2º - A água é a seiva do nosso planeta.Ela é a condição essencial de vida de todo ser vegetal, animal ou humano. Sem ela não poderíamos conceber como são a atmosfera, o clima, a vegetação, a cultura ou a agricultura. O direito à água é um dos direitos fundamentais do ser humano: o direito à vida, tal qual é estipulado do Art. 3 º da Declaração dos Direitos do Homem.

Art. 3º - Os recursos naturais de transformação da água em água potável são lentos, frágeis e muito limitados. Assim sendo, a água deve ser manipulada com racionalidade, precaução e parcimônia.

Art. 4º - O equilíbrio e o futuro do nosso planeta dependem da preservação da água e de seus ciclos. Estes devem permanecer intactos e funcionando normalmente para garantir a continuidade da vida sobre a Terra. Este equilíbrio depende, em particular, da preservação dos mares e oceanos, por onde os ciclos começam.

Art. 5º - A água não é somente uma herança dos nossos predecessores; ela é, sobretudo, um empréstimo aos nossos sucessores. Sua proteção constitui uma necessidade vital, assim como uma obrigação moral do homem para com as gerações presentes e futuras.

Art. 6º - A água não é uma doação gratuita da natureza; ela tem um valor econômico: precisa-se saber que ela é, algumas vezes, rara e dispendiosa e que pode muito bem escassear em qualquer região do mundo.

Art. 7º - A água não deve ser desperdiçada, nem poluída, nem envenenada. De maneira geral, sua utilização deve ser feita com consciência e discernimento para que não se chegue a uma situação de esgotamento ou de deterioração da qualidade das reservas atualmente disponíveis.

Art. 8º - A utilização da água implica no respeito à lei. Sua proteção constitui uma obrigação jurídica para todo homem ou grupo social que a utiliza. Esta questão não deve ser ignorada nem pelo homem nem pelo Estado.

Art. 9º - A gestão da água impõe um equilíbrio entre os imperativos de sua proteção e as necessidades de ordem econômica, sanitária e social.

Art. 10º - O planejamento da gestão da água deve levar em conta a solidariedade e o consenso em razão de sua distribuição desigual sobre a Terra.

segunda-feira, 19 de março de 2012

CURITIBA 319 ANOS

 

 

 

Curitiba comemora 319 anos com show de Toquinho na Boca Maldita

Uma intensa programação artística está sendo preparada pela Fundação Cultural de Curitiba para festejar o aniversário de 319 anos da cidade. Uma das grandes atrações será o show do compositor Toquinho, no dia 29 de março, ao meio-dia, na Boca Maldita. Toquinho vem para comemorar também os 40 anos do Teatro do Paiol. Vários shows e atividades de arte e lazer serão realizados nos bairros, além de festas na Praça Espanha e nas Ruínas de São Francisco.
No mês em que a cidade completa 319 anos, a comemoração das quatro décadas do Teatro do Paiol é um presente para Curitiba. A transformação de um antigo paiol de pólvora em teatro foi um marco histórico e representou o início de profundas mudanças na vida cultural da cidade. Palco de espetáculos com grandes nomes da música brasileira e de importantes projetos de apoio aos artistas curitibanos, o Paiol é conhecido no país inteiro pelo seu ambiente intimista, que confere uma aproximação especial entre os artistas e o público.

confira a programação no site da FCC: http://www.fundacaoculturaldecuritiba.com.br/noticias/curitiba-comemora-319-anos-com-show-de-toquinho-na-boca-maldita-
 

Anteriorpróxima Humus - Lágrimas Que Indignam. Olhares Que Acalentam


Humus - Lágrimas Que Indignam. Olhares Que Acalentam

Teatro de Dança

Espetáculo de três atos que traz questionamentos profundos sobre o lado mais sombrio do ser humano através de textos e coreografias retratando sensações de dor, medo, violência, submissão e abandono. Pode, afinal, a forma pela qual nos posicionamos diante do outro alterar o curso de nossas vidas?

DireçãoSharon Morgernstern, Hany Morgernstern

ElencoAna Fregonese, Bel Munhoz, Hany Morgernstern , Luan de Souza, Natália Montoni, Ricardo Padovani, Tatiana Ferreira, Valdecir Aparecido

Assistência de ProduçãoMarisa Monteiro

ProduçãoLeonardo Taques

RoteiroSandra Pinheiro

EstadoParaná

CidadeCuritiba

domingo, 18 de março de 2012

Pinhais 20 anos


PROGRAMAÇÃO
Pinhais comemorará 20 anos de emancipação politica em 20 de março de 2012.

Para homenagear esta data, um grupo de pesquisadores do município esta reunindo uma série de fatos e acontecimentos que marcaram a história da emancipação durante este período. Se você escreveu uma monografia, dissertação ou tese e quer disponibilizá-la para publicação neste espaço, entre em contato com a coordenação do projeto através do e-mail pinhais20anos@gmail.com.








Pinhais é um município brasileiro do estado do Paraná, localiza-se na Região Metropolitana de Curitiba. Tornou-se oficialmente um município em 1992, quando emancipou-se do município de Piraquara. Mesmo sendo o menor dos 399 municípios paranaenses,[5] em área territorial, com 60.92 km², figura entre as 14 cidades mais populosas do estado, com uma população de 117.166 hab, segundo dados do IBGE-2010.[6]


Pinhais se destaca no cenário nacional e estadual, em uma pesquisa realizada pela revista Exame, a cidade foi relacionada entre as 100 melhores cidades brasileiras para se fazer negócios, é a 14° maior economia do Paraná, consolidando-se como um importante pólo de serviços e comércio da região.[7] Destaca-se também por possuir o 14° melhor IDH[3] do Paraná, mais recentemente foi apontada como tendo o 3° IFDM do estado, índice elaborado pela FIRJAN - Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro que mede a qualidade de vida dos municípios brasileiros.

No cenário regional destaca-se por abrigar o Autódromo Internacional de Curitiba, o Expotrade, um dos maiores Centros de Convenções e Exposições do estado, a Granja do Canguiri, Residência Oficial do Governador do Paraná e por seus grandes condomínios horizontais, dentre os quais destacam-se o complexo Pineville e os Condomínios Alphaville Graciosa e Alphaville Pinheiros, ambos às margens da centenária Estrada da Graciosa.









sábado, 17 de março de 2012

As flores começam a desenhar o manto da Virgen





Foto: Armando Romero y Josep V. Zaragoza

Na noite de sábado, 17 de março é tomar o lugar do primeiro dia de coroa de flores no Mare de Desamparats DEU dels. Este comovente cerimónia centrou-se em 12 indústrias que vieram falleros envolvendo as comissões Falleras Senior. os principais representantes viveram hoje um dos eventos de referência de seus reinados. A oferta emocional de flores para nosso patrono desperta as maiores emoções.

O público tem que se amontoaram ao longo de todo o percurso, tanto na rua de La Paz e San Vicente na rua.

Milhares de Fallas chegaram à Plaza de la Virgen para fazer sua oferta de flores a Mare de Desamparats DEU dels. Os mais altos representantes das falhas deram seus bouquets aos pés da padroeira para pagar o tributo e homenagem. As lágrimas nos olhos do público são mostrados os sentimeintos despertar entrar pelas ruas da Basílica eo Micalet e conhecer a imponente imagem do nosso padroeiro. Uma equipe de mais de 40 camarins durante estes dois dias estarão trabalhando duro para fazer o nosso patrão olhar radiante na praça para o espanto de quem a contempla aproximando.

O prefeita de Valência Fallas de 2012, Sandra Munoz, chegou acompanhada de sua Corte de Honra para a plataforma instalada na Plaza de la Virgen de espectador de luxo desse ato que se move faller todos. Mesmo o arcebispo de Valência, Dom Carlos Osoro, queria ver este desfile de Fallas na praça.

Fallas das Crianças Valencia Mayor 2012, Rocío Pascual, irá fechar oferta de hoje para ir acompanhado de seus 12 co-reinado.














sexta-feira, 16 de março de 2012

CURITIBA COUNTRY FESTIVAL


O site Movimento Country e a CWB Brasil vão sortear ingressos para você curtir na faixa o Curitiba Country Festival 
que vai acontecer próximo dia 24 de março na Arena Expotrade em Pinhais. Para participar é simples. Siga o site Movimento Country nas redes sociais: TWITTER FACEBOOK ORKUT GOOGLE +  E YOUTUBE , depois preencha 
todos os campos do formulário abaixo. Você vai concorrer à ingressos para PISTA, AREA VIP e CAMAROTE, 
para curtir o maior festival sertanejo do Brasil.
Os sorteios começam próxima sexta 09/03. PARTICIPE



quinta-feira, 15 de março de 2012

A Magia do Circo está de volta a Curitiba.



Celebrar a memória do circo brasileiro moveu o Circo Roda a encenar
sua quarta produção: um espetáculo que conta a aventura de um circo e
suas viagens pelos estados brasileiros, por meio das lembranças de um
 velho palhaço, Caturrão. No enredo, o personagem faz sua última apresentação,
 enquanto o circo segue pela sua turnê. Em seu camarim, o palhaço recebe a visita
de uma menina, uma pequena fã, que ouve dele as lembranças de todos os lugares
 pelos quais passou. O espetáculo é encenado pela mesma troupe que protagonizou
 o fantástico espetáculo DNA, grande sucesso do Festival de Curitiba de 2011.
local: Arena CCR RodoNorte (Teatro Positivo) 

00:50 min. R$ 50 + tx R$ 25 + tx


fonte: http://festivaldecuritiba.com.br/espetaculos/ver/770