seguir no FACEBOOK

terça-feira, 16 de fevereiro de 2010

Bailes infantis também divertem adultos

foto Luiz Cequinel


Como ainda era cedo, já que o baile começou à tarde, os pequenos foliões ainda estavam com muita energia pra gastar. Quem foi vítima de uma guerra de confetes e serpentinas que o diga. Além disso, fantasias caprichosamente arrumadas pelos pais nem sempre resistiam às brincadeiras. E por falar em fantasias, mesmo quem não levou não ficou sem ser confundido com um personagem. Nesse caso, algum palhaço, já que era o tema da maquiagem oferecida pelo Palhaço Piri.(http://cbncuritiba.com.br/index.php?pag=noticia&id_noticia=21705&id_menu=103&conjunto=&id_usuario=¬icias=&id_loja=&PHPSESSID=sbeibutltquoqwpr)
No ginásio do Bairro Novo também teve baile animado e concurso. Quem não tinha fantasia, lá ganhava uma. A fila para ganhar uma maquiagem de Carnaval era grande, "e todas as crianças foram atendidas". De acordo com a coordenadora da festa, Luzia da Silva, “muitas crianças da periferia não têm acesso a clubes, por isso é importante que se tenha um baile próximo de casa e gratuito.


FONTE: http://www.parana-online.com.br/editoria/pais/news/281002/

Nenhum comentário:

Postar um comentário