seguir no FACEBOOK

sexta-feira, 12 de abril de 2013

Vacinação contra gripe em Curitiba

Mais de 400 mil pessoas devem ser vacinadas contra gripe em Curitiba

 

principal
A Campanha Nacional de Vacinação contra a gripe começa na próxima segunda-feira (15) em todo o Brasil. Curitiba recebeu 460 mil doses da vacina. A vacinação acontece entre os dias 15 e 26 de abril em todas as 109 unidades de saúde da capital. No sábado, 20 de abril, data da mobilização nacional, a vacinação estará acontecendo em 65 locais.
Este ano, o Ministério da Saúde incluiu no grupo prioritário para receber a vacina as crianças com idade de seis meses até 2 anos de idade, gestantes, pessoas com 60 anos ou mais, indígenas, pessoas privadas de liberdade, profissionais de saúde, mulheres até 45 dias após o parto (em puerpério), além dos doentes crônicos. O diretor do Centro de Epidemiologia da Secretaria Municipal da Saúde, Moacir Pires Ramos, explica que os grupos prioritários foram definidos conforme os riscos de evolução do quadro gripal. “A vacinação é uma atividade de rotina, que tem por objetivo evitar casos graves de gripe entre as pessoas com maior risco de evoluir com complicações”, salienta.
O secretário municipal de Saúde, Adriano Massuda, ressalta que a estratégia para prevenção da gripe não se limita à vacinação. “A vacina é apenas uma parte do trabalho. A lavagem e assepsia das mãos, o tratamento do quadro gripal no momento adequado são tão importantes quanto à imunização”, enfatiza.

Documentação
Para receber a vacina em qualquer uma das unidades de saúde de Curitiba ou nos postos que estarão montados no sábado (20), as pessoas devem levar os seguintes documentos:
Idosos: carteira de identidade;
Crianças de seis meses a 2 anos de idade: registro de nascimento ou carteira de identidade;
Grávidas: carteirinha de gestante;
Mulheres até 45 dias após o parto: carteirinha de gestante e o documento do bebê;
Portadores de doenças crônicas: receita de medicamento de uso contínuo ou carta/declaração do médico informando ser portador de doença crônica.
Profissionais de saúde: serão vacinados, prioritariamente, nos hospitais ou nas unidades básicas de saúde onde atuam, ou nos postos de vacinação, mediante apresentação de declaração do médico responsável pelo serviço onde o profissional atua.
Indígenas: serão vacinados pela equipe da SMS;
Pessoas privadas de liberdade:serão vacinadas pela equipe da SMS;

Meta
Em todo o Brasil, o público-alvo representa aproximadamente 39,2 milhões de pessoas. A meta do Ministério da Saúde é vacinar 31,3 milhões de brasileiros, o que equivale a 80% deste público. A campanha irá contar com 65 mil postos de vacinação e envolvimento de 240 mil pessoas. A ação é uma parceria entre as três esferas gestoras do Sistema Único de Saúde (SUS) - Ministério da Saúde e secretarias estaduais e municipais de saúde. Foram enviadas, para todo o país, 43 milhões de doses da vacina trivalente.

saiba mais: http://www.curitiba.pr.gov.br/noticias/mais-de-400-mil-pessoas-devem-ser-vacinadas-contra-gripe-em-curitiba/29101

fonte: Prefeitura de Curitiba

Nenhum comentário:

Postar um comentário