seguir no FACEBOOK

terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

Festival de Teatro de Curitiba














  • O Festival de Teatro de Curitiba nasceu numa mesa de restaurante.
     Sem saber ao certo o alcance e a força das idéias que ali surgiram,
     um grupo de jovens amigos dava os primeiros passos para o que
    viria a ser um dos mais importantes eventos de teatro da atualidade.
    Os estudantes Leandro Knopfholz e Carlos Eduardo Bittencourt,
     então com 18 e 22 anos, tinham acabado de ver a peça New York,
    New York, de Edson Bueno, no Teatro Guaíra e resolveram esticar
    a noite num dos diversos restaurantes da cidade. Enquanto escolhiam
    os pratos do cardápio, lamentavam o parco número de peças de teatro
     em cartaz na cidade. Leandro, talvez entusiasmado pelo espetáculo
    que tinha acabado de ver, sugeriu ao amigo que ao invés de apenas
    lamentar, poderiam organizar um festival na cidade. Carlos ficou na
    dúvida, mas Leandro lhe desarmou com um célebre "Por que não?”.
    A partir daí começou o corre-corre: campanha, patrocínios, programação
     e produção. Leandro e Carlos chamaram os amigos Cássio Chamecki e
    Victor Aronis. Em dezembro de 1991 eles promoveram a festa de
    lançamento do Festival, que iria estrear no dia 19 de março do ano
    seguinte. Ninguém acreditaria que aquela idéia, surgida em uma conversa
    de restaurante, seria realizada com tanta agilidade, e nem que duraria tanto.
    A Edição 1992 do Festival trouxe ao Paraná grandes nomes do teatro
     brasileiro, como Antunes Filho, José Celso Martinez Correia e Gabriel Vilella.
    Quando viram os convidados no saguão do hotel, os amigos sentiram um
     frio na barriga: "Meu Deus, olha só o que a gente fez".
    Desde então, Curitiba transforma-se em um imenso palco, onde –
    até a edição passada – foram apresentados cerca de 3.170 espetáculos
    para um público estimado em 1,8 milhão de pessoas.

    A Mostra 2012 reúne 30 espetáculos e marca o início da trajetória de 8 desses, 
    que fazem sua estréia nacional no evento. Os espetáculos selecionados representam
     o rico e diverso panorama atual das artes cênicas brasileiras e mostram o 
    apagamento de fronteiras geográficas e de linguagens.
    A curadoria – formada por Celso Curi, Lucia Camargo e Thania Brandão –

    fiou sua busca na revelação dos limites da invenção textual e cênica. 
    Dos clássicos aos transgressores, evidenciando novo talentos e celebrando
     os grandes nomes do teatro brasileiro, a 21ª edição do Festival de Teatro
     de Curitiba se apresenta. Reserve seu lugar na plateia pois os lugares 
    costumam ser disputados. 


    INFORMAÇÕES
    http://festivaldecuritiba.com.br/

    GRADE DE PROGRAMAÇÃO













    SE BEBER NÃO DIRIJA 

Nenhum comentário:

Postar um comentário