seguir no FACEBOOK

segunda-feira, 3 de setembro de 2012

“Experiências de Museu” e “Transamazônica: Imaginários Compartilhados”.


A Amazônia e os museus são temas das novas exposições do Solar do Barão

A Fundação Cultural de Curitiba inaugura nesta terça-feira (4), às 19h, no Museu da Gravura e no Museu da Fotografia, ambos localizados no Solar do Barão, as exposições “Experiências de Museu” e “Transamazônica: Imaginários Compartilhados”. As duas mostras permanecem em cartaz até o dia 14 de outubro e têm entrada gratuita.
O evento “Experiências de Museu” é composto por uma exposição e uma série de diálogos entre instituições que se dedicam às artes visuais. Composta por obras do acervo do Museu da Gravura e das entidades que participarão dos debates, a mostra propõe uma reflexão sobre a atuação dos museus, sua participação social e seu papel nas políticas culturais. A mostra tem curadoria de Paulo Reis, Felipe Prando, Deborah Bruel, Newton Gotoe Ana González.
Durante o período expositivo serão realizadas três mesas de debates. A primeira, no dia 5 de setembro, às 19h, contará com a participação do artista visual Newton Goto e do diretor da Fundação Cultural de Joinville e membro do Conselho Nacional de Política Cultural, Charles Narloch. O segundo debate será no dia 26 de setembro, à 19h, com o cineasta e diretor do Museu da Imagem e Som, Fernando Severo, e com a diretora da Associação Cultural Vídeo Brasil, Solange Farkas. O último encontro será no dia 3 de outubro, às 19h, com Luiz Gustavo Sousa de Carvalho, presidente da Associação dos Amigos do Museu de Arte do Piauí, e Fernando Bopré, diretor do Museu Victor Meirelles (SC).
Imaginário - O que os sulistas pensam sobre a população do norte do Brasil? Em busca dessa resposta, Arthur do Carmo e Luana Navarro percorreram cerca de 900 quilômetros entre João Pessoa (PB) até a Amazônia. Buscando traçar paralelos entre a arte contemporânea eas experiências vividas durante a viagem, os artistas apresentam no Museu da Fotografia dois projetos que dialogam entre si. Com instalações que trabalham com foto e vídeo, os artistas partem de informações propagadas na grande mídia e compõem um estudo de imaginários da população da região sul a respeito do norte do país. A mostra apresenta o resultado dos estudos realizados em torno de temas como o ciclo da borracha, o desmatamento, a construção da Transamazônica e outros fatos importantes que passaram a fazer parte da história da região.

Serviço:
Exposição “Experiências de Museu”. Curadoria de Paulo Reis, Felipe Prando, Deborah Bruel, Newton Gotoe Ana González. Debates – dias 5 e 26 de setembro, e 3 de outubro, às 19h.
Exposição “Transamazônica: Imaginários Compartilhados”, com os artistas Arthur do Carmo e Luana Navarro.
Local: Museu da Gravura Cidade de Curitiba e Museu da Fotografia Cidade de Curitiba – Solar do Barão (Rua Presidente Carlos Cavalcanti, 533 – Centro)
Data: de 4 de setembro (abertura às 19h) a 14 de outubro de 2012
Horário: de terça a sexta-feira, das 9h às 12h e 13h às 18h; domingos, das 12h às 18h.
Entrada franca

Nenhum comentário:

Postar um comentário